Preço da cesta básica de Caxias cai pelo segundo mês consecutivo - Economia - Pioneiro

Seu bolso18/11/2016 | 11h03Atualizada em 18/11/2016 | 11h04

Preço da cesta básica de Caxias cai pelo segundo mês consecutivo

Os cinco produtos que mais reduziram os preços foram a cebola, o pão caseiro, a laranja, a massa caseira fresca e o capeletti

Preço da cesta básica de Caxias cai pelo segundo mês consecutivo Gilmar de Souza/Agencia RBS
A cebola foi um dos produtos que contribuiu para a redução do valor Foto: Gilmar de Souza / Agencia RBS

O custo da Cesta Básica passou para R$ 816,49. Com esse resultado, apresentou uma redução de -1,02% em relação ao mês de setembro, quando custava R$ 824,87, correspondendo a uma queda de R$ 8,38, valor inferior à redução verificada no mês de setembro de R$ 8,90. O movimento agora é contrário aos aumentos dos meses de agosto (de R$ 3,30), julho (de R$ 3,84), junho (de R$ 19,36) e maio (de R$ 17,31). O custo foi divulgado na quinta-feira pelo Instituto de Pesquisas Econômicas e Sociais da UCS.

Leia mais
Transformando a região em que está situado, Iguatemi Caxias completa 20 anos
Redução da gasolina praticamente não chegou ao consumidor de Caxias
R$ 11 milhões do Imposto de Renda poderiam voltar a Caxias do Sul
13º salário deve injetar R$ 611,6 milhões na economia de Caxias


No mês de outubro, observou-se que, dos 47 produtos que compõem a cesta, 28 aumentaram de preço, 17 tiveram seus preços médios reduzidos e dois permaneceram inalterados. Ao contrário dos meses anteriores, o grupo de produtos da alimentação perdeu força sobre o aumento do custo da cesta.

Os cinco produtos que mais reduziram os preços foram a cebola, o pão caseiro, a laranja, a massa caseira fresca e o capeletti. Já os cinco itens que mais aumentaram foram batata inglesa, erva-mate, ovos de granja, leite (longa vida) e papel higiênico.

Inflação
O Índice de Preços ao Consumidor de Caxias do Sul indica um aumento nos preços de 0,16% no mês de outubro, contra um aumento de 0,13% do mês anterior. Com esse resultado, a variação percentual acumulada do IPC-IPES nos últimos 12 meses alcançou 9,48%, correspondendo a um aumento médio mensal no período de 0,76%. Esse resultado é ligeiramente inferior ao mês anterior, que registrou um índice acumulado de 10,99%. 

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comEncontro de fuscas em Caxias, neste domingo, deve reunir 500 exemplares https://t.co/echSI8VhVX #pioneirohá 6 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comColisão frontal resulta em duas mortes na ERS-324, entre Nova Araçá e Paraí https://t.co/uZ47daoAV3 #pioneirohá 7 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros