Nivaldo Pereira: bênção e gratidão - Cultura e Tendência - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Opinião06/12/2019 | 15h02Atualizada em 06/12/2019 | 15h02

Nivaldo Pereira: bênção e gratidão

Sim, apesar dos pesares, a vida vale a pena

Nivaldo Pereira: bênção e gratidão Luan Zuchi/
Foto: Luan Zuchi
Nivaldo Pereira
Nivaldo Pereira

nivaldope@uol.com.br

“Mesmo que a Terra não passe da próxima guerra, mesmo assim valeu”. Esse verso é da canção Valeu, de Paulo Leminski. Como estamos sob o signo de Sagitário, regido pelo filosófico e otimista Júpiter, convém louvar o lado bom da vida, ainda que uma dureza sombria impere, ainda que o mundo pareça caminhar para o fim. Outro verso da música: “Valeu encarar essa vida que podia ser melhor”. Sim, apesar dos pesares, a vida vale a pena. Vale, valeu e valerá, até pelas dores que nos tornam mais humildes e sábios. Essa é uma típica atitude sagitariana, que evoca gratidão e bênção. Por sinal, o expansivo poeta Leminski nasceu com o Sol conjunto a Júpiter. Quando a alma não é pequena, tudo vale a pena.

Leia mais
Nivaldo Pereira: novo ciclo de Júpiter
Nivaldo Pereira: os perigos da fé

Sagitário rege o sentido que damos a todas as experiências. A vida podia ser melhor? Claro, mas isso não significa focar a atenção somente em seus dissabores. É preciso abrir espaço na alma para a esperança. É preciso crer e dar tempo às coisas. Como cantou Cazuza, que tinha o ascendente em Sagitário: “Mas, se você achar que eu tô derrotado / Saiba que ainda estão rolando os dados / Porque o tempo, o tempo não para”. Pois que rolem os dados da sorte como contraponto a nossa cotidiana metralhadora cheia de mágoas!

A sorte é um tema de Sagitário, e a base dela é uma confiança plena na vida. Se há o caos da desarmonia, também deve haver uma ordem superior a nos proteger e a derramar bênçãos. Se eu creio que, num plano divino, alguém gosta de mim e me ampara, como não ter uma visão mais otimista da vida e, assim, atrair facilidades? É uma premissa religiosa, por envolver a fé no divino, mas a atitude interior é psicológica. Seja crente ou ateu, se sentir merecedor de bênçãos é o primeiro passo para vivê-las.

Abençoar é um rito comum de muitas religiões, como conexão com o transcendente. Um passe espírita, um abraço de axé do orixá, o gesto do pregador ou mesmo o pedido verbal de bênção dos cristãos aos mais velhos são formas de validar esse canal. Minha formação católica tornava obrigatória a bênção de pais e avós ao deitar e ao acordar, e minha mãe ressaltava: “Bênção é bom para quem pede”. Eu me divertia com as diferentes respostas: “Deus te abençoe”, “Deus te dê sorte”, “Deus te dê saúde”. Achava graça daquele tio que soltava, aos risos, um “Deus te dê juízo”. E dormia e acordava confiante na vida.

Com tantas bênçãos recebidas, certamente me sinto abençoado. Esse sentimento positivo conduz a outro tema correlato e igualmente sagitariano: a gratidão. Agradecer faz um bem danado e pode abrir também os canais da sorte. A palavra gratidão até está na moda, com muita gente usando-a em vez do “muito obrigado”. Contudo, mais que a palavra – que se esvazia fácil –, o que vale, de novo, é a atitude interior. Gratidão tem que ser sentida!

Como na linda canção Gracias a la Vida, de Violeta Parra, devemos agradecer à vida pelo tanto que nos deu. Chega de prender o olhar na porção vazia de um copo meio cheio. A vida vale, camarada! Repare ao redor: há muito mais pessoas boas que ruins, há mais gente querendo amor e paz do que os insanos arautos da destruição. Devemos escolher melhor o que alimenta nossa alma.

O mundo anda tão complicado, não faltarão problemas que nos façam reclamar e amaldiçoar. Mas a vida continuará, louca e mágica, valendo a pena ser vivida. Pois a vida mesma é uma bênção. Então, façamos por onde merecê-la. Grato pela atenção a esse texto.

Leia também
À espera de um Noel: na luta contra o alcoolismo, Daniel pede orações para um dia rever o filho
À espera de um Noel: fã de Tonico e Tinoco, morador do Lar da Velhice São Francisco quer ganhar disco de Natal
Campanha de fim de ano do Grupo RBS destaca conexão com as boas notícias


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros