Desligamento do sinal analógico de TV será gradual em cidades do Rio Grande do Sul - Geral - Pioneiro

Versão mobile

 

Seja Digital30/01/2018 | 20h27Atualizada em 30/01/2018 | 20h32

Desligamento do sinal analógico de TV será gradual em cidades do Rio Grande do Sul

Processo inicia nesta quarta-feira e segue até o dia 14 de março, conforme determinação da Anatel

Desligamento do sinal analógico de TV será gradual em cidades do Rio Grande do Sul Reprodução/Agência RBS
Foto: Reprodução / Agência RBS
Pioneiro
Pioneiro

A data para o desligamento total do sinal de TV analógico, programada para esta quarta-feira, foi ampliada até o dia 14 de março. A mudança foi determinada nesta terça após uma reunião na sede da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em Brasília. A decisão abrange mais de 100 cidades do Rio Grande do Sul, incluindo a Serra. O desligamento do sinal, então, vai ocorrer de forma gradual: quem preparou o televisor para receber o sinal digital já vai acompanhar uma programação com mais qualidade de som e imagem.

É importante lembrar que com o início do processo de desligamento, algumas emissoras podem ter o sinal analógico interrompido. Desta forma, quem não se adaptou pode perder a qualquer momento o sinal de TV em alguns canais.

Leia mais
A partir desta segunda-feira, Jornal do Almoço na Serra será transmitido com  sinal digital

Em Caxias do Sul, ao menos quatro mil moradores ainda não retiraram o kit gratuito para permanecer com sinal de TV aberta. Já em toda a Serra, há ainda cerca de 12 mil kits gratuitos disponíveis para beneficiários de programas sociais do governo federal. Dúvidas sobre o benefício podem ser esclarecidas pelo telefone 147, canal no qual também podem ser esclarecidas informações gerais sobre a mudança do sistema. 

Quem possui televisores de tubo fabricados antes de 2012, que não utiliza antena parabólica ou TV por assinatura precisa se adaptar à mudança para prosseguir recebendo a programação. Neste televisores mais antigos, o kit para a TV digital contém uma antena UHF e um conversor com controle remoto.

Beneficiários que estejam fora de Caxias também podem buscar o kit em pontos de outros 106 municípios do Estado. Quem não tem direito ao kit grátis, porém, deve adquirir o equipamento no varejo. O conversor é vendido nas lojas por cerca de R$ 80, mas o preço pode variar conforme os recursos extras do aparelho. Quem tem televisores com conversor interno, precisa comprar apenas a antena, com custo de cerca de R$ 50.

Leia também:
Em vídeo, casal relata furto em carro estacionado em shopping de Caxias do Sul
Família de Flores da Cunha passa as noites em carro após ter o apartamento invadido
Prefeitura de Gramado quer tornar cidade interativa

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros