Assembleia nesta segunda pode dar um novo rumo na greve dos médicos de Caxias - Cidades - Pioneiro

Crise no SUS24/07/2017 | 07h00Atualizada em 24/07/2017 | 07h00

Assembleia nesta segunda pode dar um novo rumo na greve dos médicos de Caxias

Profissionais que estão paralisados se reúnem para decidir se aceitam ter representatividade no Sindiserv

Assembleia nesta segunda pode dar um novo rumo na greve dos médicos de Caxias Roni Rigon/Agencia RBS
Foto: Roni Rigon / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

Uma assembleia nesta segunda pode fazer com que a greve dos médicos do Sistema Único de Saúde (SUS) de Caxias do Sul ganhe novos desdobramentos. Os médicos que estão paralisados se reúnem à noite para decidir se aceitam ter representatividade no Sindicato dos Servidores Municipais (Sindiserv). A proposta foi feita durante reunião convocada pela Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Câmara de Vereadores e quer que médicos e sindicato alinhem uma proposta para ser enviada para aprovação no Executivo. 

Leia mais
CIC emite sinal de preocupação com secretários do governo Daniel Guerra
Daniel Guerra abre as portas para vereadores para discutir situação da saúde pública em Caxias

Grande parte do impasse que faz com que as negociações não avancem diz respeito à representatividade dos profissionais em greve: os médicos afirmam que o Sindicato dos Médicos é o representante da categoria; já o Executivo diz que apenas negocia com o Sindiserv, entidade do funcionalismo público. A greve dura mais de três meses e já provocou o cancelamento de 26.191 consultas - que ainda não têm plano para serem recuperadas pela prefeitura.

O presidente da comissão dos médicos, André Pormann, se encontrou com a representante do Sindiserv, Silvana Pirolli, na sexta-feira para se apropriar das propostas do Sindicato. Porém, afirma que somente depois da assembleia com os colegas de classe, hoje, serão definidos os rumos da greve.

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros