Contrastes de sentimentos na chegada e na saída de CCs da prefeitura de Caxias - Política - Pioneiro

Administração municipal04/01/2017 | 14h42Atualizada em 04/01/2017 | 14h57

Contrastes de sentimentos na chegada e na saída de CCs da prefeitura de Caxias

Pioneiro acompanhou o término do governo Alceu e o início da gestão de Guerra

Contrastes de sentimentos na chegada e na saída de CCs da prefeitura de Caxias Roni Rigon/Agencia RBS
Nos últimos momentos como secretária de Educação, Marléa foi até o gabinete para abraçar servidoras Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

Os seis dias que separam o segundo dia útil do mandato do prefeito Daniel Guerra (PRB) e a véspera do final do governo Alceu Barbosa Velho (PDT) mostram contrastes e uma mistura de sentimentos entre os CCs que entram e os que deixaram o Executivo caxiense. Na tarde da última quinta-feira, o Pioneiro acompanhou a despedida de CCs do Governo Alceu e o clima era de tristeza, saudade e emoção. Na manhã de terça-feira, a reportagem conferiu a chegada dos servidores e de alguns dos novos secretários, e a atmosfera era bem diferente. Um misto de felicidade, gratidão, honra e responsabilidade.

Leia mais
Aprovado corte de verba de representação de 50% para CCs da prefeitura de Caxias
Guerra tem posição marcante na estreia em Caxias do Sul
Diretor do Samae diz que redução do reajuste da água não afetará investimentos em Caxias


O ponto facultativo na sexta-feira antecipou para quinta a despedida de colegas e o fim de um ciclo que, para muitos, iniciou-se no primeiro governo do então prefeito José Ivo Sartori (PMDB), em 2005. Pelos corredores e na antessala do gabinete do então prefeito Alceu, as expressões de incentivo ¿vida de segue¿ e "fim de um ciclo" foram as mais ouvidas, como forma de consolo.

A secretária Marléa Ramos Alves (PDT) foi até o gabinete de Alceu para entregar uma lembrança e uma carta de agradecimento pela oportunidade de comandar a pasta símbolo para os pedetistas – da Educação. Ela diz que vai sentir saudades do trabalho, mesmo com todas as demandas, pressão e cobrança 24 horas. E resumiu o sentimento e a experiência:

– Em quatro anos, a gente chorou e buscou soluções juntos. Criamos uma relação quase de simbiose. A educação, principalmente, precisa muito do apoio dos colegas. As relações que hoje são tão estreitas vão se dispersar. A gente tem saudade desse carinho aqui de dentro. A pressão era de domingo a domingo. Mas certamente vou sentir saudades.

Antes de ir embora, Marléa se despediu de duas servidoras da prefeitura lotadas no Gabinete. Abraçadas, as três se emocionaram. Marléa vai trabalhar como consultora na União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação do RS, em Porto Alegre, em fevereiro.

Para a jornalista Fabiana de Lucena, o ciclo de 12 anos na administração municipal chegou ao final. Ela trabalhou na assessoria de imprensa da prefeitura e do Samae. Filiada ao PMDB, Fabiana deixa o Executivo com o sentimento de dever cumprido.

– Tive outra visão que não tinha quando trabalhava em veículo de imprensa. Foi um grande desafio. Aprendi muito com as pessoas que passaram. Formamos uma família. Valeu a pena – diz a coordenadora da assessoria de imprensa.

No mesmo dia, o fotógrafo da equipe da comunicação Ícaro de Campos devolvia seu material de trabalho para o setor de controle de patrimônio. A partir de janeiro, Fabiana será assessora do vereador Paulo Périco (PMDB).

Recorde de secretarias

O último chefe de Gabinete do prefeito Alceu Barbosa Velho, Paulo Dahmer (PSB) também deixa a administração municipal com o sentimento de dever cumprido.

– Fizemos muitas obras e não descuidamos da saúde, da educação e do social. O reconhecimento dessa administração se deu de várias formas, como as premiações recebidas e índices atingidos. Tem muitas prefeituras que não estão pagando salários e o 13º.

Dahmer trabalhou no governo do então prefeito Pepe Vargas (PT) de 1997 a 2003. O socialista retornou ao Executivo no final do primeiro governo de Sartori com o ingresso do PSB na coligação do governo e permaneceu durante os quatro anos do Governo Alceu. Nesse período, comandou as secretarias da Fazenda, Geral, Planejamento, Habitação, Finanças e Receita Municipal. Ainda foi presidente da Festa da Uva por três meses. A partir do próximo ano, Dahmer vai se dedicar a seu escritório de advocacia.

Satisfação para um novo ciclo

Nem mesmo a denominação de ¿secretários provisórios¿ tira a satisfação de servir a comunidade. Os comentários de alguns servidores era de alívio e de um clima mais agradável já nos primeiros dias do novo ciclo comandado por Daniel Guerra.

Em sua chegada à prefeitura, secretária Mirangela Rossi, do Urbanismo carregava um terço nas mãos Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

Para a secretária do Urbanismo, Mirangela Rossi, o sentimento ao assumir o cargo é de ¿bastante responsabilidade¿. Na chegada na prefeitura, carregava uma sacola na mão direita e um terço da ¿Terra Santa¿ na mão esquerda. O objeto foi dado aos novos secretários pelo frei Jaime Bettega, trazido de Israel.

– O terço vai me acompanhar todos os dias para que possa realizar as metas para os servidores, o público interno, e para a população – revela Mirangela.

Acostumado com o ambiente de trabalho, o novo procurador-geral, Leonardo da Rocha de Souza, é servidor da prefeitura há oito anos. Ele também é dos novos que foram nomeados de maneira provisória. Com a tranquilidade de quem conhece a responsabilidade do cargo, Souza disse que apenas mudou de sala e trouxe o material de escritório usado diariamente, como carimbos.

– Vamos atuar para que não ocorram injustiças, prevenindo ações judiciais que possam onerar o poder público e atendendo às pessoas antes que elas ingressem com ações judiciais.

Felicidade, gratidão, honra e responsabilidade são os sentimentos da nova titular da Secretaria de Recursos Humanos, Vangelisa Lorandi.

– Me sinto valorizada por ter sido selecionada entre tantos currículos e a seleção feita.

Sem apego a objetos materiais, Vangelisa diz que irá se agarrar a sua fé para desempenhar as novas atividades. Ela também recebeu um terço das mãos de frei Jaime.

– Trago de uma forma simbólica a minha fé. É sentimento. Esse terço está como meu amuleto dentro da secretaria. Por enquanto, não trouxe foto da família, mas talvez daqui um tempo possa trazer. Eles (a família) me dão muito apoio no sentido de transmitir confiança, de dar colo. São conselhos de ter responsabilidade e assumir aquilo que conquistou – comenta Vangelisa.

NAS REDES SOCIAIS

- Antonio Feldmann (PMDB) Ex-vice-prefeito
"Há exatos quatro anos, assumíamos a administração de Caxias do Sul com o prefeito Alceu Barbosa Velho e uma equipe de pessoas honradas, sérias e trabalhadoras. Saímos com a maior vitória que um ser humano pode ter: da dignidade. Saímos de cabeça erguida."

- Jaqueline Bernardi (PMDB), Ex-secretária de Recursos Humanos e Logística
"O final de um ciclo sempre marca o início de uma nova jornada! Obrigada aos colegas servidores da Secretaria Municipal de Recursos Humanos e Logística pela parceria e ensinamentos. Hoje somos diferentes de outrora. Levo comigo uma parte, uma lembrança, um estresse, uma risada, uma nova história para contar de cada momento e desafio que juntos enfrentamos."

- André Wiethaus, Diretor-presidente do Ipam
"Muito obrigado pela confiança e honra na oportunidade e desafio em integrar seu secretariado como presidente do Ipam. (...) Agradeço também a Deus, familiares e a meus colegas da Procuradoria-Geral do Município, Samae e Ipam, que sem eles não seria possível este importante reconhecimento, pois sempre estiveram lado a lado, juntos."

- Tatiane Zambelli, Secretária de Habitação
"Agradeço a todos pelos telefonemas e mensagens de apoio neste meu novo desafio. Espero poder contribuir com o meu conhecimento e minhas experiências profissionais para a nossa querida comunidade de Caxias do Sul."


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPolícia Civil conclui que comerciante foi morta em discussão sobre troco de cerveja em Caxias do Sul https://t.co/Q7gYdIVYWX #pioneirohá 10 horas Retweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.com"Queremos sonhar um pouco mais alto", diz presidente do Juventude após manter Tiago Marques no Jaconi https://t.co/U2tj5MNfoH #pioneirohá 10 horas Retweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros