Corpo de empresário morto na Argentina deve chegar em Bento Gonçalves na madrugada deste sábado - Geral - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Burocracia26/12/2019 | 17h05Atualizada em 26/12/2019 | 18h24

Corpo de empresário morto na Argentina deve chegar em Bento Gonçalves na madrugada deste sábado

Após entraves burocráticos, corpo de Volnei Odorczik deve começar a ser translado às 20h desta quinta-feira (26)

Corpo de empresário morto na Argentina deve chegar em Bento Gonçalves na madrugada deste sábado Reprodução / Facebook/Facebook
A falta de um carimbo atrasou o translado e a família teme que o velório ocorra somente em 2020 Foto: Reprodução / Facebook / Facebook

Até às 17h desta quinta-feira (26), a família do empresário Volnei Odorczik, 41 anos, de Bento Gonçalves, morto em acidente de paramotor em Salta, na Argentina, na segunda-feira (23), ainda não tinha previsão para a cerimônia de despedida em terras brasileiras. A expectativa inicial era de que o corpo chegasse ao Brasil nesta sexta-feira (27), porém, a falta de um carimbo atrasou o translado. A expectativa, agora, é de que o corpo chegue à Serra na madrugada deste sábado (28), com sepultamento previsto para ocorrer no mesmo dia.

Leia mais
Piloto de Bento Gonçalves morre em acidente com paramotor na Argentina

— Inicialmente nos informaram que ainda na segunda-feira (23) estava tudo resolvido. Ontem (quarta-feira, 25) soubemos que pararam por conta do Natal mas a expectativa era que chegasse às 8h de hoje (quinta-feira, 26). Perto das 13h, porém, nos informaram que, se o corpo não fosse liberado até amanhã (sexta-feira, 27), às 11h, eles entrariam em recesso e somente seria liberado após as festas de final de ano. Um total desrespeito com os familiares — relatou Laura Wrzesinski, 19, prima de Odorczik, que está envolvida no trâmite.

De acordo com ela, a esposa de Odorczik ainda encontra-se na cidade de Salta, onde ocorreu o acidente, para acompanhar a negociação do translado.

Burocracia na embaixada

No Brasil, quem cuidará do velório e sepultamento do corpo de Odorczik será a Capela São José de Bento Gonçalves, do Grupo L. Formolo de Caxias do Sul. A funerária está acompanhando o processo de liberação que, inicialmente, está sob responsabilidade da funerária argentina. 

De acordo com Matheus Formolo, diretor comercial do Grupo L. Formolo, o atraso teria ocorrido junto ao consulado e a intervenção de um representante de Córdova acelerou a liberação.

Detalhes do translado

A previsão é de que o corpo do empresário comece a ser translado às 20h desta sexta-feira, saindo de Salta, em San Salvador de Jujuy em direção a Passo de los Libres. O acerto de documentações na fronteira pode levar de duas a três horas. Provavelmente, a partir das 15h de sexta-feira (27), a funerária caxiense iniciará o transporte do corpo a partir de Uruguaiana, com previsão de chegada em Bento Gonçalves no início da madrugada de sábado.

A empresa ainda não confirmou horário de velório e sepultamento pois depende de uma avaliação para constatar as condições do corpo. De qualquer forma, se a previsão de horários for cumprida, o sepultamento ocorre ainda no sábado.

Leia também
Laudo aponta que mulher morreu por asfixia em Bom Jesus

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros