Identificado um foco do Aedes aegypti no bairro Santa Fé, em Caxias - Geral - Pioneiro
 

Saúde08/05/2018 | 11h05Atualizada em 08/05/2018 | 11h06

Identificado um foco do Aedes aegypti no bairro Santa Fé, em Caxias

Larvas foram encontradas dentro de uma caixa d'água

Identificado um foco do Aedes aegypti no bairro Santa Fé, em Caxias Marcelo Casagrande / Agência RBS/Agência RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agência RBS / Agência RBS
Pioneiro

Após o último foco do mosquito transmissor da dengue, febre chikungunya e zika vírus encontrado na primeira semana de maio, agentes vigilância ambiental identificaram mais um caso em Caxias do Sul. Desta vez, as larvas foram encontradas em uma residência no bairro Santa Fé, dentro de uma caixa-d'água de captação de água da chuva. Com isso, sobe para 13 o número total de focos identificados neste ano em Caxias do Sul. 

Visando a eliminação de criadouros do inseto, os agentes inspecionarão residências, terrenos baldios e estabelecimentos comerciais e industriais localizados em um raio de 200 a 300 metros a partir do foco identificado. Criadouros do Aedes aegypti já foram encontrados nos bairros Planalto, Nossa Senhora da Saúde, Pioneiro, São Caetano, Canyon, Cidade Nova e Rio Branco.

Em 2018, seis cidades entraram para a lista dos municípios da infestados pelo mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus na Serra Gaúcha. São elas: Antônio Prado, Paraí, Nova Bassano, Nova Prata, Nova Petrópolis e Carlos Barbosa. No ano passado, Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Farroupilha, Garibaldi, Guaporé, Veranópolis e Nova Araçá já eram considerados infestados pelo Aedes aegypti. 

Leia também
Operário encontra dinamite e rua é bloqueada na área central de Caxias do Sul
Pacientes têm que esperar um ano e meio para fazer tomografia via SUS em Caxias do Sul
Confira a previsão do horóscopo de cada signo para esta terça-feira
Frei Jaime: em busca da confiança

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros