Só aquilo que realmente somos é capaz de nos curar - Cotidiano - Pioneiro

Frei Jaime Bettega06/01/2017 | 08h27Atualizada em 06/01/2017 | 08h27

Só aquilo que realmente somos é capaz de nos curar

Viver é estar sempre saindo de si mesmo para encontrar-se na profundidade do existir

Frei Jaime Bettega
Frei Jaime Bettega

jaime@ofmcaprs.org.br

A primeira semana do Ano Novo já vai chegando perto do final... Os dias seguem, a vida vai acontecendo... Que bom sentir paz e estar imbuído de esperança. Cada novo dia é uma surpresa, um presente, um pouco do muito tempo que a vida dispõe. Que não falte a dose adequada de alegria para este dia!

"Só aquilo que realmente somos é capaz de nos curar." (Jung).

Viver é estar sempre saindo de si mesmo para encontrar-se na profundidade do existir. Partir para retornar, procurar para efetivar a maior e mais determinante descoberta: `quem eu sou?¿ A busca pela autenticidade é uma qualidade necessária àqueles que não aceitam viver de qualquer jeito. O conhecimento em relação aos outros não deveria ocupar tanto tempo. Muitos não passam de estranhos de si próprios. Imaginam saber detalhadamente o que acontece com os outros, mas desconhecem os próprios sentimentos e pensamentos. Viver longe de si mesmo não é algo incomum.

Leia mais
Francisco Michielin: eu ainda me lembro
Ciro Fabres: momento deprimente
Natalia Borges Polesso: enquanto 2016 acabava


A velocidade, que envolve a grande maioria, tem comprometido a convivência consigo mesmo. Algumas lacunas podem afetar a serenidade dos dias e distanciar do ideal a ser alcançado. Como seria importante debruçar-se sobre o autoconhecimento até ser capaz de sintetizar um conceito da própria existência. As crises que abalam até aqueles que vendem a imagem de radicalmente fortes, tornam-se cada vez mais frequentes.

A cura de algumas feridas acontece na mesma proporção da descoberta de si mesmo. A impressão é simples, mas portadora de uma certa complexidade: poucos se preparam para construir uma personalidade harmônica e relacional. O imperativo que mais se evidencia diz respeito ao acúmulo material. O dinheiro continua, aliado ao poder, exercendo fascínio. Ser você mesmo, sem nenhuma maquiagem, é condição para cicatrizar determinadas feridas. Viver é uma verdadeira e ousada aventura. Vamos lá!

Bênçãos! Paz & Bem! Santa Alegria! Bênçãos!     

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros