Leticia Datena escolhe as paisagens da Serra para ensaio da Playboy de abril - Cultura e Tendência - Pioneiro

Versão mobile

Beleza bucólica31/03/2017 | 16h00Atualizada em 31/03/2017 | 16h00

Leticia Datena escolhe as paisagens da Serra para ensaio da Playboy de abril

Modelo optou pela região por causa dos elementos que remetem ao outono

Leticia Datena escolhe as paisagens da Serra para ensaio da Playboy de abril Hick Duarte / Divulgação/Divulgação
Na foto, Letícia posa na Vinícola Dal Pizzol, em Bento Gonçalves Foto: Hick Duarte / Divulgação / Divulgação

Capa da Playboy de abril, a modelo Leticia Wiermann Datena, 30 anos, marca a nova fase da revista, em ensaio protagonizado na Serra gaúcha. Ela escolheu a região por causa de elementos que remetem ao outono: madeira, luz bucólica, vinho, vegetação de um lugar mais frio. Entre as locações, aparecem a Réplica do Primeiro Vinhedo do Imigrante, na propriedade da Vinícola Dal Pizzol, em Bento Gonçalves, e a Vinícola Don Giovanni, em Pinto Bandeira. As fotos da filha do apresentador José Luiz Datena foram feitas em fevereiro, durante o Carnaval.

Leia mais
Blogueiras dão dicas para gurias que não querem seguir a tradição nas festas de 15 anos
Miss Plus Size nacional irradia autoestima e fala sobre amar o corpo
Como rótulos de cerveja estimulam os consumidores a comprar determinada marca

Veja a entrevista ao Almanaque:

Almanaque: Que estilo de vinho te atrai?
Leticia Wiermann:
Gosto de vinho, mas não tomo quase nunca. Faz um tempo que deixei de lado fritura, açúcar, álcool, etc., por um estilo de vida saudável. Mas um bom vinho, de vez em quando, é bem-vindo. Gosto de vinhos do Novo Mundo.

Vinho ajuda a criar o clima para a paquera?
Para algumas pessoas sim, ajuda a se soltar. Mas para quem exagera acho que deve atrapalhar.

Vinho combina com...
Frio.

A Vinícola Don Giovanni também serviu de locação para o ensaio Foto: Hick Duarte / Divulgação

Como foi fazer este ensaio? O que espera despertar nos leitores?
Foi muito bacana. Tenho uma carreira de 15 anos como modelo, mas fazer Playboy é diferente, tem um nível de exposição maior. Os leitores que esperam um ensaio lindo, natural, estiloso e de bom gosto vão gostar.

Já tinha feito trabalhos sensuais?
Sempre na moda, principalmente para quem faz trabalhos ligados ao corpo, como campanha de biquíni, lingerie e fitness, acaba tendo que usar a sensualidade. Já fiz sim e acho que é extremamente natural e positivo. Já vulgaridade não é a minha praia.

O que significa posar para a Playboy?
Significa se libertar de padrões. E, no meu caso, busquei transmitir uma mensagem também.

Como você encara a nudez?
Acho algo natural, normal. As pessoas é que marginalizam, vulgarizam e condenam a nudez, mas é algo que deveria ser respeitado e admirado. Assim como as escolhas alheias, cada um faz o que bem entende com seu corpo ou com sua vida.

Qual o melhor ensinamento que recebeu do seu pai?
Seja você mesma e não tenha medo de errar.

Como é José Luiz Datena no dia a dia? O que ele achou do ensaio?
Meu pai é o que é, todo mundo sabe. Ele foi reticente em um primeiro momento, não contra. Mas me apoiou, como em tudo que faço.

Já pensou em seguir a carreira do pai?
Já segui. Sou jornalista e apresentadora de TV, além de modelo. Agora, minha inclinação é trabalhar com entretenimento.

O que não pode faltar na tua bolsa?
Carregador de celular, carteira, algo para prender o cabelo e hidratante labial.

Prefere balada ou um programa mais low profile?
Low profile total. Sou mais do dia e mais caseira.

Edição chega às bancas em abril Foto: Hick Duarte / Divulgação
 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comEstacionamento na Avenida Rio Branco volta a operar em Caxias https://t.co/s6RxA2Xnx1 #pioneirohá 42 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPolícia prende suspeito de assassinar comerciante em Caxias do Sul https://t.co/AWriSk9miy #pioneirohá 56 minutosRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros