Codeca tem prejuízo de R$ 655 mil até abril - Política - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Balanço09/06/2020 | 08h30Atualizada em 09/06/2020 | 08h40

Codeca tem prejuízo de R$ 655 mil até abril

Apesar de negativo, índice foi 67,04% acima do esperado pelos dirigentes da companhia

Codeca tem prejuízo de R$ 655 mil até abril Marcelo Casagrande/Agencia RBS
Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

A companhia de Desenvolvimento de Caxias do Sul ( Codeca) vive há anos momentos econômicos difíceis.  A Codeca amarga um prejuízo de R$ 14 milhões, conforme o balanço financeiro de 2019. Contudo, segundo dados da demonstração de resultados do 1 º quadrimestre apresentados à Câmara de Vereadores em maio de 2020, os números tendem a melhorar até o final do ano.  A projeção era um resultado negativo de R$ 1.990.281,15 para
o 1 º quadrimestre, sendo que o fechamento foi de um resultado negativo bem menor, de R$ 655.989,27, um índice 67,04% acima do esperado pela companhia. 

A diferença entre o resultado negativo acumulado de 2019, de R$ 5.296.841,28 e o de 2020, nos quatro primeiros meses do ano, foi de R$ 4.640.852,01 ( veja demonstrativo no quadro abaixo). 

– Não há milagre, são os números oficiais da Codeca, e esses resultados não ocorreram com retirada de benefícios ou prejuízo aos trabalhadores.  A economia com folha de pagamento, ocorrida principalmente com diminuição de funções gratificadas, foi de apenas 4,95%. A verdadeira economia se deu com adoção de medidas de reestruturação de custos e processos internos – afirma o diretor administrativo- financeiro da Codeca, Luis Felipe Burtet. 

Ele explica que, quando a atual gestão assumiu, a equipe identificou que não havia mais capital de giro, devido aos três últimos anos com resultados finais negativos nos balanços, que somados chegam a R$ 22.462.504, bem como a empresa que não conseguia mais ser operacionalmente eficiente. 

– Neste momento, identificamos quais seriam os nossos focos.  Se falava de um aporte de capital emergencial para suprir os resultados astronomicamente desfavoráveis dos últimos anos.  Nós definimos nossa estratégia em duas premissas básicas: reorganizar o fluxo de caixa de forma emergencial, diluindo as dívidas em atraso em uma negociação coletiva com os credores ao longo do ano, e entender a empresa em funcionamento para identificar os pontos a serem corrigidos. 

Burtet ressalta que é preciso entender que caixa e lucro são coisas totalmente diferentes, e o lucro a companhia quer e precisa para buscar equilíbrio:

 – Não adiantava querer aportar dinheiro, se a empresa não estava conseguindo gerar riqueza, gerar resultados positivos. Seria um desperdício de dinheiro público, que estaria escorrendo pelo ralo, pois estaríamos encobrindo os problemas e a empresa continuaria a não gerar os resultados esperados. 

PROJEÇÕES PARA O ANO 

Segundo o diretor, é cedo para projetar como será o fechamento do ano: 

– Nossas projeções são sempre conservadoras. Poderemos ter uma surpresa favorável se mantivermos esse índice de eficiência entre orçado e realizado.  Entretanto, seria muito prematuro prever um resultado mais favorável do que o orçado com as novas premissas, mas, se continuarmos com esses resultados, poderemos melhorar ainda mais nosso resultado previsto. 

“ Preço condizente com a realidade” 

O diretor administrativo financeiro da Codeca, Luis Felipe Burtet, aponta que a economia resultou da implantação de medidas de reestruturação de custos e de processos internos. 

– Identificamos um descontrole muito grande.  As obras eram feitas sem controle específico dos processos, e isso gerava desperdício, então otimizamos para buscar um resultado mais eficiente. Para isso, contratamos um engenheiro mecânico para cuidar da parte de oficina e chapeação. E focamos em um trabalho forte de qualificação e eficiência em dois dos maiores setores da Codeca, na construção civil e na limpeza urbana. 

Burtet defende a necessidade de a Codeca ser competitiva para obter equilíbrio financeiro, como se fosse uma empresa. 

– Ao ficarmos reféns de preços “ tabelados”, onde se identifica que o preço pago não serve sequer para cobrir o custo do serviço, se cria a certeza de buscar uma Codeca mais competitiva e autossustentável.  Ela tem que ser capaz de gerar riqueza suficiente para cobrir seus custos e gerar sobras para investimentos.  A Codeca é uma empresa, e tem que ter um preço condizente com a realidade, ela não é uma secretaria com dotação orçamentária.  Nosso desafio é formar o preço de nossos produtos e serviços, que se adequem aos praticados pelo mercado e, em especial, pelos indicadores do Tribunal de Contas. 

CRISE SE REPETE HÁ ANOS 

A Codeca quase fechou entre 2004 e 2005.  Na época, as dívidas giravam em torno de R$ 6 milhões, o que comprova que a situação é difícil, mas contornável. Para que tributos e outras despesas pudessem ser quitadas, uma das saídas foi a injeção de recursos por parte da prefeitura.  Outras iniciativas nos anos 2004 e 2005 também foram responsáveis pela recuperação financeira da empresa.  A criação de um comitê com 70 funcionários que avaliava e dava ideias de como reduzir despesas era um dos trunfos a que a antiga administração atribuía a recuperação financeira. Entre elas, revisões de despesas com telefone, energia elétrica e horas extras. 

A constante crise financeira da Codeca tem sido alvo de críticas, pronunciamentos polêmicos durante sessões da Câmara e pedidos de informações dos vereadores ao longo dos anos.  A reportagem contatou os vereadores Adiló Didomênico ( PTB), que já presidiu a companhia e preside a Frente Parlamentar em Defesa da Codeca, e a vereadora Denise Pessôa ( PT) para avaliar os dados apresentados. 

O QUE DIZEM 

 “ As medidas implantadas pela atual direção são importantes para reduzir o prejuízo, mas a Codeca precisa de obras.  A redução de custos é necessária, é uma ação eficaz, mas tem que retomar o faturamento, e o setor de Obras da Codeca está parado.  Além do enxugamento e do corte de custos, tem que aumentar a produtividade.  A Codeca tem que atuar em obras. Tem uma equipe qualificada para atender principalmente obras de asfalto. O governo passado terceirizava as obras e a Codeca ficava de braços cruzados, tendo as mesmos condições que as demais construtoras da cidade. Em obras em Caxias do Sul, a Codeca tem que participar.  Um exemplo são os passeios públicos, que passaram um bom tempo com problemas, e quando foi licitada a empresa, poderia ter sido a Codeca", diz o Vereador Adiló Didomenico ( PSDB), presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Codeca 

“ Está baseado ( o resultado) em redução de custos como horas extras, combustível, etc, que são justificáveis pela redução de obras realizadas pela Codeca nesse período. Apresentaram um balanço mágico que reduz o déficit, sem ter grandes contratos, que gera receita.  Isso significa encolhimento da empresa", aponta a Vereadora Denise Pessôa ( PT) 

CONFIRA OS NÚMEROS DO 1 º QUADRIMESTRE 

Geração de caixa operacional foi positiva 

Resultado (R$) 2019 2020

Receita líquida 31.605.047,90 29.944.260,59

Despesas variáveis 12.596.348,02 7.797.872,44

Despesas fixas 22.647.850,29 21.463.525,62

Geração de caixa operacional* (-) 3.639.150,41 (+) 682.862,53

Resultado** (-) 5.296.841,28 (-) 655.989,27

* Gestão de caixa operacional é Receita líquida - Despesas variáveis - Despesas fixas

** Descontados ainda Depreciações e Outras receitas/despesas financeiras. Resultado antes do IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica) e CSLL (Contribuição sobre Lucro Líquido).

Diferença entre Resultado 2020 e Resultado 2019:  R$ 4.640.852,01

Alguns gastos

Consumo de pneus _ redução de 23% entre o orçado/realizado.
Gastos com combustível _ redução de 14% entre o orçado/realizado.
Custos de despesas administrativas _ redução de 6% entre o orçado/realizado.
Custos com locação de veículos de terceiros _ redução de 37% entre o orçado/realizado.
Readequação de contratos de empréstimos e arrendamento mercantil _ redução de 15% entre o orçado/realizado.
Custos com matéria-prima _ redução de 22,5% entre o orçado/realizado.

fonte: Codeca, demonstrativo apresentado à Câmara de Vereadores. 

Leia também
Cartilha ensina mulheres a registrarem ocorrência de violência doméstica pela internet
Ministério da Saúde habilita 18 leitos de UTI na Serra
UCS assume gestão da UPA Zona Norte a partir de 1° de julho


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros