Um parecer de pedido de impeachment do prefeito de Farroupilha deve ficar pronto nesta semana - Política - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Reta final12/05/2020 | 12h11Atualizada em 12/05/2020 | 12h11

Um parecer de pedido de impeachment do prefeito de Farroupilha deve ficar pronto nesta semana

Claiton Gonçalves é alvo de duas denúncias, que tramitam em comissões distintas

Um parecer de pedido de impeachment do prefeito de Farroupilha deve ficar pronto nesta semana Antonio Valiente/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS

Pelo menos uma das comissões processantes que trata dos pedidos de impeachment do prefeito de Farroupilha, Claiton Gonçalves (PDT), deve ter o parecer concluído ainda nesta semana. Sedinei Catafesta (PSD), vereador relator da comissão número 3, analisa os documentos da defesa desde sexta-feira (8), quando os recebeu, e imagina entregar o relatório até o final da semana. 

Leia mais
"Confio muito que esse grupo de vereadores vá dizer que o prefeito não deve ser impeachmado", diz prefeito de Farroupilha

Já Jorge Cenci (MDB), relator da comissão processante número 2, recebeu as razões finais do prefeito no final da tarde desta segunda-feira (11) — prazo final para a entrega da defesa — e ainda não tem uma previsão para conclusão do parecer. Ele entrou na sessão ordinária da Câmara logo após receber os documentos e começaria a análise nesta terça-feira (12). 

Conforme o presidente da comissão 2, vereador Fabiano Piccoli (PSB), não há prazo para a entrega dos relatórios. No entanto, imagina que eles estarão prontos nos próximos dias e será possível definir, já na próxima semana, a data das sessões extraordinárias para votação de ambos os pareceres. Piccoli diz que as sessões não serão no mesmo dia.  

O processo analisado pela comissão 2 trata de uma denúncia de duas supostas irregularidades imputadas a Claiton, que propôs a abertura de crédito suplementar por decreto para a compra de quatro terrenos para a Secretaria da Saúde. O valor aumentou de R$ 10 mil para R$ 890 mil. O outro item é sobre a compra dos mesmos terrenos sem autorização do Legislativo. O autor do pedido de impeachment é o empresário Glacir Gomes. 

O outro processo contra Claiton, a partir de uma denúncia protocolada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RS), está nas mãos da comissão 3. Além dos dois tópicos que também constam no pedido do empresário Gomes, há outros dois itens na denúncia da OAB: eles dizem respeito, de acordo com o texto, à nomeação de um fiscal municipal para atuar em função privativa de advogado e ao entendimento de que houve quebra de decoro por parte do prefeito Claiton ao reagir a questionamento feito por 15 entidades do município à aquisição de um software para a área da saúde.

Leia também
Presidente do Conselho Municipal de Saúde de Caxias faz críticas ao Governo Cassina
Questões sanitárias para a realização das eleições ainda são analisadas pela Justiça Eleitoral
Deputada promove live solidária para arrecadar alimentos

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros