Sistema possibilita voto fora da Câmara em Nova Petrópolis por causa do coronavírus - Política - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Mirante30/03/2020 | 08h30Atualizada em 30/03/2020 | 08h30

Sistema possibilita voto fora da Câmara em Nova Petrópolis por causa do coronavírus

Implantado desde o ano passado, modelo só foi utilizado devido à necessidade de isolamento social

Sistema possibilita voto fora da Câmara em Nova Petrópolis por causa do coronavírus Jéssica Zang/Divulgação
Foto: Jéssica Zang / Divulgação

A necessidade de isolamento social diante da pandemia de coronavírus tem feito com que vários legislativos na região realizem sessões online. Em Nova Petrópolis, porém, a Câmara de Vereadores conta desde novembro do ano passado com um sistema de votação eletrônica, que permite que os vereadores acessem de qualquer computador ou celular fora da Câmara.

Porém, a estreia fora do plenário foi na segunda-feira (23), quando os vereadores permaneceram em casa. Presencialmente, em plenário, estavam apenas o presidente da Casa, Paulo de Macedo Viana (PSB), a diretora da Câmara, Loreci Maria Koech, e a assessora de imprensa, Jéssica Zang. O mesmo modelo de votação vai se repetir na sessão desta segunda-feira (30). Os votos aparecem em um monitor de TV. 

Sessão virtual na Câmara de Vereadores de Nova Petrópolis<!-- NICAID(14461586) -->
Na sessão de semana passada, presencialmente estavam somente o presidente, a diretora-geral e a assessora de imprensaFoto: Jéssica Zang / Divulgação

Quando estão no plenário, os 11 vereadores de Nova Petrópolis utilizam um tablet, com login e senha, que permite o acesso a projetos, e também é utilizado para a votação. Eles são obrigados a comparecer às sessões e só votaram à distância em função do coronavírus, explica a assessora de imprensa. Em situação normal, se os vereadores não estiverem na sessão, não poderão votar.

As sessões são transmitidas pelo Youtube. O investimento no sistema de votação online foi de R$ 7.620.

Leia também
Grupo de vereadores de Caxias divulga nota "O que está em jogo é a vida"

Presidente da Câmara de Caxias contraria recomendações e defende volta da população ao trabalho

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros