Prefeito de Caxias do Sul tem dificuldade para anunciar líder de governo - Política - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Executivo03/02/2020 | 20h37Atualizada em 03/02/2020 | 20h47

Prefeito de Caxias do Sul tem dificuldade para anunciar líder de governo

Flávio Cassina e o vice Elói Frizzo (PSB) teriam convidado quatro vereadores, mas todos rejeitaram o cargo

Prefeito de Caxias do Sul tem dificuldade para anunciar líder de governo João Pedro Bressan/Divulgação
Foto: João Pedro Bressan / Divulgação

O prefeito de Caxias do Sul, Flavio Cassina (PTB), e o vice, Elói Frizzo (PSB), trabalharam uma parte da tarde desta segunda-feira (3) para tentar definir o nome do novo líder de governo na Câmara da Vereadores. A administração tem encontrado dificuldades para indicar o vereador que terá a função de realizar a defesa do Executivo no Legislativo, nortear a votação de propostas, além de trabalhar na articulação política do governo municipal.

O Governo Cassina tinha realizado o convite para pelo menos quatro vereadores: Alceu Thomé (PTB), Rafael Bueno (PDT), Felipe Gremelmaier (MDB) e Gustavo Toigo (PDT). Apesar de terem votado a favor do impeachment do prefeito Daniel Guerra (Republicanos), os parlamentares estão evitando uma vinculação com o governo.

Na tarde desta segunda, os quatro vereadores garantiram à reportagem que não pretendem assumir a função. Thomé diz que não tem condições ocupar o cargo devido a problemas de saúde. Gremelmaier alegou falta de tempo devido a conclusão de mestrado. Bueno disse que ficou feliz com o convite, mas não conseguirá assumir a função devido a outros compromissos do mandato. Por telefone, Toigo reconheceu o recebimento do convite, mas afirmou que iria explicar ao prefeito Cassina sobre sua decisão de não aceitar o cargo.

Procurado pela reportagem do Pioneiro, o vereador Adiló Didomenico, do mesmo partido do prefeito, disse que não recebeu o convite, mas admitiu que a função atrapalharia sua agenda de pré-candidato à prefeitura.

_ Nosso governo é de coalização entre os vereadores. Não aceitaria o cargo por que sou pré-candidato e causaria um constrangimento entre os demais vereadores _ comentou Adiló.  

A previsão inicial é de que Cassina anuncie o nome do líder de governo na manhã desta terça, na Câmara de Vereadores.

Leia também:
Ex-procuradora-geral do município renuncia ao processo do ex-prefeito de Caxias do Sul Daniel Guerra
TJ dá prazo à Câmara de Caxias para defesa na ação que busca anular impeachment de Daniel Guerra
Vereadores analisam pedido de impeachment contra o governo Cassina em Caxias do Sul

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros