Chefe de Gabinete do prefeito Daniel Guerra recebe também como conselheiro da Codeca - Política - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Contas públicas07/08/2019 | 20h46Atualizada em 07/08/2019 | 20h57

Chefe de Gabinete do prefeito Daniel Guerra recebe também como conselheiro da Codeca

Chico Guerra, irmão do chefe do Executivo, foi indicado como membro do Conselho Fiscal da autarquia

Chefe de Gabinete do prefeito Daniel Guerra recebe também como conselheiro da Codeca Gabriela Bento Alves/Câmara de Vereadores
Foto: Gabriela Bento Alves / Câmara de Vereadores

O vereador licenciado, chefe de Gabinete e irmão do prefeito Daniel Guerra (PRB), Chico Guerra (PRB) é também membro do Conselho Fiscal da Codeca. Ele substituiu o também contador Silvestre Luiz Basso. Pelo novo cargo, Chico tem salário bruto de R$ 1.253,26 mensais para comparecer a uma reunião mensal. Esse valor incrementa a renda mensal de Chico, que ganha R$ 13.466,88 como chefe de Gabinete. Desde maio, quando passou a acumular os dois cargos, o irmão do prefeito recebe dos cofres públicos municipais R$ 14.720,14.

A indicação de Chico ocorreu durante a assembleia geral da Codeca realizada no dia 30 de abril. A medida foi publicada no Diário Oficial do Estado e no Jornal Cidades (encartado no Jornal de Comércio, de Porto Alegre) na edição de 25 de abril, e no Diário Oficial do Município de ontem. 

O secretário da Saúde, Júlio César Freitas da Rosa (PRB), também integra o Conselho Fiscal da Codeca. Ele ingressou na autarquia após a saída do ex-secretário da Fazenda, João Alfredo Duarte Filho, que ocorreu em dezembro de 2017. Freitas da Rosa também acumula os salários, que perfazem o mesmo valor recebido por Chico.

Questionado sobre o motivo para o afastamento do ex-contador e a indicação do irmão do prefeito para assumir o cargo na autarquia, o diretor-presidente da Codeca, Maurício Rizzotto, preferiu não comentar claramente com o objetivo de não se indispor com o prefeito.

– Sobre as demais questões, não tenho maiores comentários a apresentar – resumiu Rizzotto por WhatsApp.

Rizzotto assumiu a presidência da Codeca no dia 28 de junho deste ano, após as nomeações de Chico e Freitas da Rosa.

Prejuízo em 2018

Na mesma assembleia, Guerra reforçou o compromisso em colaborar com aporte financeiro de cerca de R$ 10 milhões para ampliação da coleta mecanizada e de viabilizar contratações de obras para a companhia, para utilizar a capacidade instalada do departamento de construção civil da autarquia. Os integrantes dos conselhos também examinaram as demonstrações financeiras da autarquia de 2018, que apontaram um prejuízo de cerca de R$ 1 milhão, disse Rizzotto.

Em janeiro deste ano, a ex-diretora-presidente da Codeca, Amarilda Bortolotto, atendeu a convocação da Frente Parlamentar em Defesa a Codeca, da Câmara de Vereadores, e informou que o resultado do balancete no período de janeiro a novembro do ano passado apontava um prejuízo de R$ 1,2 milhão.

Leia também:
Comissão da Câmara de Vereadores de Caxias votará parecer sobre Plano Diretor dia 15
Começa a remodelação do gabinete do prefeito de Caxias 
Prefeitura de Caxias anuncia mirante no Parque dos Macaquinhos, mas omite informações


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros