Cartórios eleitorais de Bento e Farroupilha alertam para prazos de cadastro de digitais - Política - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Biometria06/06/2019 | 12h20Atualizada em 06/06/2019 | 14h46

Cartórios eleitorais de Bento e Farroupilha alertam para prazos de cadastro de digitais

Somente metade dos eleitores fizeram o recadastro até o momento nas duas cidades

Cartórios eleitorais de Bento e Farroupilha alertam para prazos de cadastro de digitais Marco Favero/Agencia RBS
Identificação do eleitor pelas digitais já é utilizada em Caxias do Sul Foto: Marco Favero / Agencia RBS

Buscando prevenir a formação de longas filas, como as que se formaram em Caxias do Sul na reta final do prazo para recadastramento biométrico eleitoral na maior cidade da Serra, em 2016, os cartórios de Bento Gonçalves e Farroupilha alertam os eleitores a não deixarem o procedimento para a última hora. Enquanto Bento Gonçalves ainda não atingiu a metade do eleitorado, Farroupilha recém ultrapassou os 50%.

Embora Bento Gonçalves ainda não tenha uma data definida de prazo limite, o chefe do cartório eleitoral da cidade, Ricardo de Abreu, foi à Câmara de Vereadores nesta semana para alertar que 48% dos 88.794 eleitores da cidade haviam feito o cadastro biométrico até a segunda-feira (3). Segundo ele, mesmo que a biometria em Bento Gonçalves não seja obrigatória para as eleições de 2020, o ideal é que o eleitor do município se dirija ao cartório porque há uma capacidade limitada de atendimentos diários. A partir de 2022, o eleitor de Bento que não houver feito o cadastro terá o título cancelado.

Leia mais
Mais de 30 mil eleitores de Caxias têm títulos cancelados

Já em Farroupilha, que recadastrou cerca de 30 mil dos 55,3 mil eleitores, chegando a 54%, o prazo final é 11 de dezembro deste ano. Segundo o chefe do cartório eleitoral da cidade, Alexandre Bohrer, mesmo fazendo os 110 atendimentos previstos por dia, até o fim desse prazo será possível cadastrar em torno de 45 mil pessoas.

— Esperamos uma redução de 18% no eleitorado. Isso ocorre por diversos motivos, como o falecimento de eleitores, mudança para outras cidades e os retardatários, que só se lembrarão do cadastro no ano da eleição — comenta. 

Segundo Bohrer, a procura pelo cartório, que nos últimos meses ficou abaixo da capacidade de atendimentos diários - em maio, foram cerca de 70  - aumentou desde o início deste mês e agora está em torno de 100 pessoas por dia.

A orientação é agendar o atendimento por meio da página do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) na internet para evitar a espera na hora de ser atendido. Em Farroupilha, há 76 agendamentos previstos por dia pela internet e 28 fichas para serem distribuídas para quem for à fila.

Leia mais
Começa prazo de recadastramento biométrico em três cidades da Serra

Em Farroupilha, a equipe do cartório recebeu um reforço no atendimento com quatro estagiários do TRE e um servidor da prefeitura. Isso mais que dobra o efetivo normal do cartório, que é de três servidores da Justiça Eleitoral. 

O cartório eleitoral de Farroupilha funciona das 12h às 19h, de segunda a sexta-feira, na Rua Thomas Édison, 355, sala 01, no centro. Já o cartório eleitoral de Bento Gonçalves atende das 10h às 17h, sem fechar ao meio-dia, na Rua General Goes Monteiro, 91, sala 01, no bairro São Francisco.

Leia também
Daer e prefeituras de Garibaldi e Carlos Barbosa realizam tapa-buracos na ERS-446
Shopping fechado após incêndio reabre neste mês em Farroupilha

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros