Adiada votação de acolhimento do pedido de impeachment do prefeito de Caxias do Sul - Política - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Câmara05/02/2019 | 11h25Atualizada em 05/02/2019 | 11h27

Adiada votação de acolhimento do pedido de impeachment do prefeito de Caxias do Sul

Adiamento foi solicitado por Elói Frizzo e aprovado pelos demais vereadores

Adiada votação de acolhimento do pedido de impeachment do prefeito de Caxias do Sul Felipe Nyland/Agencia RBS
Frizzo argumenta que é preciso mais tempo para analisar a denúncia contra Guerra Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Está adiada por cinco dias a votação da admissibilidade do pedido de impeachment do prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra (PRB). A denúncia foi protocolada em dezembro pelo então vice-prefeito Ricardo Fabris de Abreu (Avante). 

Leia mais
"Não há porque fazer defesa de uma administração que tem sido reconhecida nacionalmente", afirma prefeito Daniel Guerra 

A solicitação de adiamento foi feita pelo vereador Elói Frizzo (PSB) na sessão desta terça-feira (5) e aprovada por unanimidade. O argumento de Frizzo é de que é preciso mais tempo para analisar o item acrescentado por Fabris na segunda-feira. o ex-vice-prefeito sugere nepotismo na nomeação de Chico Guerra, irmão do prefeito, como chefe de gabinete. 

Com o adiamento, a denúncia contra Guerra retorna para votação na próxima terça-feira.

Leia também
Confira o que diz a denúncia contra o prefeito de Caxias do Sul
O que está previsto para a primeira sessão ordinária da Câmara de Caxias de 2019
Primeiro vereador surdo da história da Câmara de Caxias toma posse nesta terça-feira

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros