Sartori deixa o governo do Estado nesta terça, mas MDB fica - Política - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Acertos partidários31/12/2018 | 12h00Atualizada em 04/01/2019 | 13h20

Sartori deixa o governo do Estado nesta terça, mas MDB fica

PRB do adversário Daniel Guerra também fará parte do Governo Eduardo Leite

Sartori deixa o governo do Estado nesta terça, mas MDB fica Isadora Neumann/Agencia RBS
Foto: Isadora Neumann / Agencia RBS

O ex-prefeito de Caxias do Sul José Ivo Sartori entrega o cargo à frente do Piratini nesta terça-feira a Eduardo Leite (PSDB), mas o seu partido, o MDB, não deixará o poder e, apesar da derrota à reeleição, seguirá aliado ao tucano. Essa foi a decisão de maior repercussão entre as negociações para a formação do novo governo no Estado e provoca constrangimentos tanto para emedebistas quanto para tucanos. O PSB, que concorria com candidato ao Senado (Beto Albuquerque) na chapa de Sartori, também foi para o novo governo. 

Leia mais
A caminho da mudança no país com Jair Bolsonaro
Posse de Jair Bolsonaro espera 500 mil em Brasília

Por outro lado, Caxias ganhará mais um deputado na Assembleia Legislativa com Carlos Búrigo (MDB), já que o eleito Juvir Costella será secretário dos Transportes. Sem dúvida, é importante para a região. 

Em relação a Caxias, vale observar que, em âmbito estadual, com a adesão, MDB e PSB se unem não apenas ao PSDB e ao PTB (do vice-governador Ranolfo Vieira Jr.), com quem estiveram juntos nos últimos governos municipais, mas também ao adversário PRB do prefeito Daniel Guerra, que faz parte da coligação do novo governo.

Leia também
VÍDEO: relembre as fotos mais marcantes de 2018
Corpo é encontrado em porta-malas de carro em Bento Gonçalves

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros