Câmara de Bento Gonçalves terá atendimento em turno único a partir de novembro - Política - Pioneiro

Versão mobile

 

Reduzindo gastos  19/10/2018 | 15h20Atualizada em 19/10/2018 | 15h20

Câmara de Bento Gonçalves terá atendimento em turno único a partir de novembro

Medida será adotada entre o dia 5 do mês que vem e 17 de fevereiro de 2019

Câmara de Bento Gonçalves terá atendimento em turno único a partir de novembro Divulgação/Câmara Municipal de Bento Gonçalves
No ano passado, adoção do turno único gerou economia de cerca de R$ 9 mil Foto: Divulgação / Câmara Municipal de Bento Gonçalves

A Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves terá funcionamento restrito a seis horas por dia nos próximos meses. O atendimento ocorrerá em um turno a partir de 5 de novembro. A medida segue até 17 de fevereiro de 2019. Os horários de expediente serão do meio-dia às 18h nas segundas e terças-feiras. Nos demais dias, o atendimento ocorre entre 8h e 14h.

O decreto foi publicado nesta quinta-feira (18) no Diário Oficial do Município e é assinado pelo presidente da Câmara, Moisés Scussel Neto. A justificativa é que outros órgãos públicos também adotam a medida que contribui para a contenção de despesas sem afetar a prestação de serviços. 

Segundo o presidente da Câmara, a economia de recursos ocorre por meio da redução de gastos com insumos, como energia elétrica, água e papel. Além disso, ele cita que até a saída com motoristas diminui, gerando menos despesas com gasolina.

A Casa também fez turno único entre 18 de dezembro de 2017 e 18 de fevereiro de 2018. Conforme Scussel Neto, a economia nesse período ficou em cerca de R$ 9 mil. Como nesse ano a medida vigorará em um período maior, a projeção dele é de que a economia de recursos públicos será maior. 

A prefeitura de Bento Gonçalves informou que não tem previsão de adotar o turno único neste ano. 

Leia também:
Veranópolis anuncia a contratação de dois zagueiros para 2019  

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros