MDB deve se pronunciar sobre desistência de Germano Rigotto como pré-candidato ao Senado - Política - Pioneiro

Versão mobile

 

Mirante21/07/2018 | 07h00Atualizada em 21/07/2018 | 07h00

MDB deve se pronunciar sobre desistência de Germano Rigotto como pré-candidato ao Senado

Ex-governador comunicou ao presidente do partido no Estado há cerca de 10 dias retirada de seu nome

MDB deve se pronunciar sobre desistência de Germano Rigotto como pré-candidato ao Senado Pedro Tesch/Divulgação
Ex-governador está fora da disputa eleitoral Foto: Pedro Tesch / Divulgação

O presidente do MDB estadual, Alceu Moreira, deve se manifestar oficialmente após segunda-feira sobre a desistência do ex-governador Germano Rigotto (MDB) em disputar o Senado. A retirada da pré-candidatura do caxiense foi anunciada pela colunista de Zero Hora Rosane Oliveira. Ele contava com amplo apoio dos filiados, manifestado nos encontros promovidos pela Associação de Vereadores e Fundação Ulysses Guimarães. 

Leia mais
Pré-candidatura de Rigotto ganha força no PMDB

Juventude do PMDB de Caxias do Sul defende Sartori e Rigotto na disputa eleitoral
"Se não for candidato estou praticamente decidindo a não concorrer mais", diz ex-governador Germano Rigotto

O partido já sabia há cerca de 10 dias. A orientação era fazer uma força-tarefa neste fim de semana, porém, Rigotto divulgou antes sua retirada.

Nesta sexta, o ex-governador não atendeu às ligações, nem respondeu às mensagens no WhatsApp.  Sem mandato desde o fim de 2006, ele encerra a carreira política.

O vereador Paulo Périco, presidente do MDB de Caxias e vice da Coordenadoria dos Vinhedos, disse que desconhecia a decisão, mas entende que Rigotto tem suas razões e deve-se respeitar. Porém, ressalta em relação à disputa e eventual vitória:

– Rigotto, para nós de Caxias, era muito importante. 

Leia também
Áudio: o que foi notícia na coluna Mirante
"Ecoparque é muito genérico", justifica secretária do Meio Ambiente de Caxias para troca de nome
Após quase um ano, representações na Comissão de Ética da Câmara de Caxias devem ter desfecho
Partidos têm até 5 de agosto para oficializar candidaturas
Líder do governo de Caxias ganha mais prazo na Subcomissão de Ética no Legislativo 

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros