Definidos os projetos da Serra contemplados na Consulta Popular 2018 - Política - Pioneiro

Versão mobile

 

Política05/07/2018 | 09h54Atualizada em 05/07/2018 | 09h55

Definidos os projetos da Serra contemplados na Consulta Popular 2018

22.784 eleitores priorizaram a saúde

Definidos os projetos da Serra contemplados na Consulta Popular 2018 Mateus Argenta / Divulgação/
Foto: Mateus Argenta / Divulgação

O Governo do Estado divulgou os projetos contemplados na Consulta Popular 2018. Na Serra, foram cinco as demandas escolhidas (ver abaixo). A mais votada foi a ampliação, reforma e aquisição de equipamentos para estabelecimentos de saúde vinculados ao Sistema Único de Saúde (SUS), com 22.784 votos. A lista aponta também os municípios que alcançaram o percentual de votação necessário e receberão os investimentos em cada projeto, bem como o valor total de cada demanda.

O resultado final da Consulta Popular confirmou a desclassificação de quatro dos 32 municípios que integram o Conselho Regional de Desenvolvimento (Corede) Serra. Assim, Flores da Cunha, Carlos Barbosa, São Jorge e Nova Pádua não receberão recursos do Governo do Estado, via Consulta Popular, em 2019.

Segundo a coordenadora-executiva do Corede Serra, Mônica Mattia, as definições (detalhamento) dos investimentos de cada área ocorrerão na assembleia geral regional a ser realizada em Caxias do Sul. O encontro acontece no dia 3 de agosto, às 9h, no Bloco M, da Universidade de Caxias do Sul (UCS).

O Corede-Serra vai receber aproximadamente R$ 2,9 milhões para investimentos a serem previstos pelo Orçamento 2019 do RS.

AS 5 DEMANDAS CONTEMPLADAS

Confira também o valor do investimento para cada projeto e os municípios que alcançaram percentual de votos e garantiram os investimentos.

- Ampliação, reforma, e aquisição de equipamentos para estabelecimentos de saúde vinculados ao SUS – R$  878.861,87. Antônio Prado, Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Cotiporã, Farroupilha, Guaporé, Nova Araçá, Nova Bassano, Nova Prata, Nova Roma do Sul, Paraí, São Marcos e Veranópolis.

- Reaparelhamento dos órgãos de segurança – R$ 732.384,89. Bento Gonçalves, Boa Vista do Sul, Caxias do Sul, Garibaldi, Montauri, Paraí, São Marcos, Serafina Corrêa, União da Serra e Veranópolis.

- Programa de apoio e ampliação da infraestrutura rural – R$ 585.907,91. Boa Vista do Sul, Caxias do Sul, Cotiporã, Fagundes Varela, Guabiju, Montauri, Monte Belo do Sul, Nova Bassano, Pinto Bandeira, São Marcos, São Valentim do Sul, União da Serra, Vila Flores e Vista Alegre do Prata.

- Regionalização do turismo – R$ 439.430,93. Caxias do Sul, Coronel Pilar, Cotiporã, Garibaldi, Nova Prata, Nova Roma do Sul, Protásio Alves, Santa Tereza, São Marcos, União da Serra, Veranópolis, Vila Flores e Vista Alegre do Prata.

Apoio aos arranjos produtivos locais (APLs) – R$ 292.953,96. Bento Gonçalves, Caxias do Sul, Farroupilha e Guaporé.

Leia também
Comissão de Ética da Câmara de Bento Gonçalves apura suposta quebra de decoro
PDT usa espaço na Câmara de Vereadores de Caxias para promover Alceu
De férias, presidente da GramadoTur acompanha Copa do Mundo na Rússia

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros