Presidente da UAB, de Caxias do Sul, se desfilia do PT - Política - Pioneiro

Versão mobile

 

Mirante18/04/2018 | 17h37Atualizada em 18/04/2018 | 18h01

Presidente da UAB, de Caxias do Sul, se desfilia do PT

Valdir Walter deixou o partido dois dias após o pedido de impeachment do prefeito Daniel Guerra ter sido rejeitado

Presidente da UAB, de Caxias do Sul, se desfilia do PT Porthus Junior/Agencia RBS
Valdir Walter deixou o PT nesta quarta-feira e diz que não irá ingressar em outro partido neste ano Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O presidente da União das Associações de Bairros (UAB), de Caxias do Sul, Valdir Walter, se desfiliou do PT. A saída da sigla ocorreu nesta quarta-feira, dois dias após a Câmara de Vereadores ter rejeitado, com os votos do PT, o pedido de impeachment do prefeito Daniel Guerra (PRB). O líder comunitário admite que esse foi um dos motivos.

— A gente ficou desgostoso. Num primeiro momento, iam votar a favor. Veio o PCdoB e jogou um balde de água fria (divulgando nota oficial contra a cassação) e aí veio o PT também. 

Ele diz que o PT abandonou a luta nos bairros e que virou as costas quando mais precisavam.

O descontentamento com o PT vinha desde a eleição para o comando da UAB, em junho do ano passado. Lideranças petistas não o apoiaram e fizeram uma chapa de oposição encabeçada por Tania Menezes. 

Walter foi filiado por mais de 10 anos no PT e ocupou cargo de assessor parlamentar da então deputada estadual Marisa Formolo. No segundo turno das eleições à prefeitura em 2016, ele apoiou Edson Néspolo (PDT). A UAB tem uma relação conflituosa com o governo Guerra. 

O presidente da UAB diz que neste ano não irá se filiar a outro partido. 

Leia também
Líder do Governo na Câmara de Vereadores de Caxias sobre não se manifestar: "Vou encher linguiça?"
Ex-prefeito de Caxias do Sul apela para entendimento entre governo e vereadores


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros