Com posição do PSD, prefeito de Caxias garante votos para derrubar pedido de impeachment - Política - Pioneiro

Versão mobile

 

Cassação evitada 26/03/2018 | 17h07Atualizada em 27/03/2018 | 08h24

Com posição do PSD, prefeito de Caxias garante votos para derrubar pedido de impeachment

Daniel Guerra conquista o oitavo voto que precisa para evitar cassação em plenário 

Com posição do PSD, prefeito de Caxias garante votos para derrubar pedido de impeachment Diogo Sallaberry/Agencia RBS
PSD do vereador Kiko Girardi divulga posição contra o impeachment de Daniel Guerra Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS
Pioneiro
Pioneiro

O oitavo voto contrário ao impeachment do prefeito Daniel Guerra (PRB) vem do PSD do vereador Kiko Girardi. A Comissão Provisória do partido, presidida por Kiko, divulgou nota nesta segunda-feira posicionando-se pelo arquivamento do processo.

Leia mais
Prefeito de Caxias do Sul não comparece ao depoimento na comissão do impeachment

"Concluímos que não foram encontrados fatos relevantes que configure a decretação do impeachment do senhor prefeito Daniel Guerra. Por isso, a Comissão Provisória do PSD de Caxias do Sul opina pelo arquivamento do processo", diz a nota.

Já tinham se posicionado contrariamente ao impeachment, por meio de nota oficial, o PCdoB do vereador Renato Oliveira e o PT dos vereadores Denise Pessôa e Rodrigo Beltrão. Além desses, eram contra, naturalmente, os governistas Chico Guerra (PRB) e Renato Nunes (PR) e os vereadores Arlindo Bandeira (PP) e Neri, O Carteiro (SD).

São necessários oito votos para derrubar em plenário um eventual parecer pela cassação.

Confira o que diz a nota do PSD

 A Comissão Provisória do Partido Social Democrático _ PSD de Caxias do Sul, vem a público manifestar a sua posição em relação ao processo de impeachment do prefeito de Caxias do Sul, Sr. Daniel Guerra. O PSD possui em seu estatuto, como uns de seus princípios, exercer a política de forma responsável, transparente e o respeito a democracia. 

Nosso partido não fará oposição pela oposição. Nossos adversários não são inimigos a eliminar, mas cidadãos com os quais vamos dialogar. Diante dos princípios do nosso partido, esta comissão analisou os argumentos apresentados no documento externo nr. 728/2017 e acompanhou os depoimentos das testemunhas realizados junto a Comissão Processante.

Concluímos que não foram encontrados fatos relevantes que configure a decretação do impeachment do senhor prefeito Daniel Guerra. Por isso, a Comissão Provisória do PSD de Caxias do Sul opina pelo arquivamento do processo.

Partido Social Democrático
Comissão Provisória de Caxias do Sul 

Leia também
Ex-vice-prefeito de Caxias do Sul deixa o PMDB

 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros