Câmara de Vereadores de Caxias do Sul aprova a identificação de grupo sanguíneo de motociclistas - Política - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Legislativo30/03/2018 | 19h01Atualizada em 31/03/2018 | 13h39

Câmara de Vereadores de Caxias do Sul aprova a identificação de grupo sanguíneo de motociclistas

Proposta do vereador Velocino Uez (PDT) vale para prestadores de serviço de entrega 

Câmara de Vereadores de Caxias do Sul aprova a identificação de grupo sanguíneo de motociclistas Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

Os motociclistas que prestam serviço de entrega em Caxias do Sul serão obrigados a circular identificados com o grupo sanguíneo e fator RH do condutor da motocicleta. A medida pretende auxiliar no socorro de motociclistas vítimas de acidente de trânsito. O projeto de autoria do vereador Velocino Uez (PDT) foi aprovado por unanimidade na sessão de quinta da Câmara Municipal.

A obrigatoriedade envolve a utilização de faixas fosforescentes no uniforme, capacete, baús, mochilas e outros acessórios utilizados para o transporte de mercadorias.

Para se tornar lei, o texto agora depende da sanção do prefeito Daniel Guerra (PRB). Se o projeto se tornar lei, entrará e vigor em 60 dias depois da publicação no Diário Oficial do Município.

Os motociclistas que descumprirem a lei serão multados em 10 valores de referência municipal (VRM). Cada VRM corresponde a R$ 32,18, a multa seria de R$ 321,80.

Leia também
Depois de tombo de 43%, comércio de Caxias do Sul inicia reação
Caso Naiara: juízes da Serra refletem sobre o encaminhamento de crianças em situação de risco 


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros