Vice-prefeito de Caxias arrisca projeção de popularidade - Política - Pioneiro

Versão mobile

 

Mirante08/01/2018 | 10h35Atualizada em 08/01/2018 | 11h15

Vice-prefeito de Caxias arrisca projeção de popularidade

Ele acredita que metade da cidade é pela saída de Daniel Guerra

Vice-prefeito de Caxias arrisca projeção de popularidade Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O vice-prefeito Ricardo Fabris de Abreu (sem partido) calcula que metade da cidade quer que o prefeito Daniel Guerra (PRB) deixe o cargo. É um chute, porque nada comprova este percentual de favoráveis e contrários. Na Câmara, vereadores desafetos do prefeito dizem que ele perdeu o apoio da maioria de quem votou nele. São palavras para influenciar a opinião pública. 

Já o prefeito deu declaração de que aumentou o apoio ao seu governo, em reação aos pedidos de impeachment protocolados na Câmara. Ou seja, cada um diz o que lhe convém. 

O que chama atenção, na entrevista concedida pelo vice-prefeito ao Pioneiro (leia aqui), ao avaliar o primeiro ano de governo, é que nesse cálculo de meio a meio, Fabris projeta ter o apoio de todos os que supostamente seriam contrários a Guerra. É ilusão. Não significa que quem é crítico ao prefeito seja automaticamente favorável ao vice. 

As atitudes de Fabris neste primeiro ano, aliando-se à oposição e trabalhando pela queda de Guerra, só agradaram a quem sempre quis a saída do prefeito (ou quem nunca aceitou que ele chegasse ao poder). 

O que dizer da exposição a que o vice submeteu a cidade, renunciando e desrenunciando? De um vice que pede o impeachment do prefeito? Que pede licença por tempo indeterminado e muda de ideia por saber que se aproximava a chance de a Câmara aceitar um pedido de impeachment? Que fala em equipe de governo no momento seguinte em que a Câmara aceita o pedido e comemora em um bar ao lado de opositores?

É bom reavaliar esse cálculo de popularidade.

Leia também
Defesa do prefeito de Caxias se manifesta sobre o processo de impeachment em 37 tuítes
Caxias do Sul tem 40 pré-candidatos a deputado estadual e federal a 10 meses da eleição
Fabris e Alceu definem Guerra como "miniprefeito" de Caxias 


 
 
 

Veja também

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros