União para ajudar funcionários da empresa caxiense Guerra - Política - Pioneiro

Solidariedade20/08/2017 | 14h22Atualizada em 20/08/2017 | 14h22

União para ajudar funcionários da empresa caxiense Guerra

Movimento apoia famílias de trabalhadores que não recebem salários com arrecadação de donativos   

União para ajudar funcionários da empresa caxiense Guerra Divulgação/Divulgação
Trabalhadores da Guerra realizaram vários protestos. Um deles foi em frente ao Foro Trabalhista, por conta de salários atrasados desde abril Foto: Divulgação / Divulgação


Os metalúrgicos da empresa Guerra de Caxias do Sul e suas famílias estão passando por sérias dificuldades. A informação é do Sindicato dos Metalúrgicos , que está mobilizando a sociedade para doar alimentos não perecíveis e material de higiene e limpeza. Os produtos podem ser entreguem na sede do Sindicato.Cerca de 700 funcionários estão desde abril sem receber salários e também não conseguem fazer o acerto nas rescisões.

A Guerra está em processo de recuperação judicial e a produção está parada desde o início de maio. Para o presidente em exercício do Sindicato, Claudecir Monsani, uma realidade dura e que, segundo ele, demonstra total irresponsabilidade social da empresa.

— A Guerra prefere investir em patrimônio ao invés de pagar por quem trabalhou duro na sua produção.

 Monsani informa que a empresa adquiriu recentemente um grupo composto por 12 empresas do setor calçadista na região do Vale dos Sinos por R$ 300 milhões.

— Estamos vivendo tempos de ataques à dignidade e aos direitos trabalhistas e é por isso que precisamos de união e solidariedade. A Guerra não pagou o que deve a estes funcionários porque não quis — comenta Monsani.

O Sindicato decidiu por não aceitar rescisões parceladas por saber que a empresa teria condições para pagar os trabalhadores. Uma definição concreta sobre o impasse está sendo aguardada pelos trabalhadores, que moveram, por meio do Sindicato, uma ação judicial para receberam salários atrasados e rescisões não pagas.

 Mas enquanto aguardam a situação só se agrava. Por isso, a campanha em prol dos metalúrgicos da Guerra. A entidade já desenvolveu uma rifa, que vai sortear em outubro uma moto.



 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros