Prefeitura de Caxias diz que Guarda Municipal agiu em legítima defesa  - Política - Pioneiro

Mirante24/08/2017 | 08h37Atualizada em 24/08/2017 | 09h23

Prefeitura de Caxias diz que Guarda Municipal agiu em legítima defesa 

Secretaria de Segurança afirma que imagens de vídeos foram analisadas criteriosamente

Prefeitura de Caxias diz que Guarda Municipal agiu em legítima defesa  Daniel Bianchi/Divulgação
Foto: Daniel Bianchi / Divulgação

A Secretaria Municipal de Segurança Pública e Proteção Social enviou nota dando sua versão sobre o confronto ocorrido terça-feira com manifestantes na porta da prefeitura de Caxias do Sul. "Uma equipe de profissionais da prefeitura analisou criteriosamente as imagens dos vídeos e constatou que um dos manifestantes atingiu um guarda municipal", diz o texto. Em outro momento, consta que "a ação dos servidores ocorreu em legítima defesa e com o único objetivo de restabelecer a ordem e o atendimento no Centro Administrativo."

Leia mais
Ação da prefeitura de Caxias contra manifestantes provoca contorno perigoso
Confronto entre manifestantes e Guarda repercute em reunião da UAB
Comissão da Câmara pedirá ao MP que investigue possível abuso da Guarda


Via assessoria de imprensa, foram questionadas quais foram as agressões e em que momento ocorreram. Segundo a prefeitura, foram socos e pontapés, após o diálogo da Guarda com os manifestantes para desobstrução da porta. 

Confira a posição da secretaria e em seguida as respostas aos questionamentos:

Nota oficial

"A Secretaria de Segurança Pública e Proteção Social (SMSPPS) esclarece para a comunidade que todos os guardas municipais são orientados a reagir com emprego do uso diferenciado e moderado da força somente em casos de agressões físicas e de dano ao patrimônio público. Sempre que possível, os servidores também devem identificar os autores dos delitos, fazer a voz de prisão em flagrante e conduzir os indivíduos até as autoridades policiais para a lavratura do auto de prisão em flagrante de delito, conforme rege a lei.

No episódio ocorrido terça-feira (22/08), os guardas agiram de acordo com as orientações estabelecidas. Mesmo após diversas tentativas de diálogo, os manifestantes bloquearam uma das portas de acesso ao Centro Administrativo, impedindo o próprio atendimento à comunidade. Nesse momento, a Guarda realizou a desobstrução do acesso com escudos de proteção.

Uma equipe de profissionais da prefeitura analisou criteriosamente as imagens dos vídeos e constatou que um dos manifestantes atingiu um guarda municipal. Deste modo, a Secretaria de Segurança esclarece que a ação dos servidores ocorreu em legítima defesa e com o único objetivo de restabelecer a ordem e o atendimento no Centro Administrativo. Um cone também foi arremessado em direção ao efetivo da Guarda e à porta, atitude que poderia ter causado uma lesão a um dos servidores ou à população, além de danificar o patrimônio público.

A prefeitura ressalta que a função da Guarda Municipal é proteger os servidores, o patrimônio e o direito da população de acessar os serviços públicos."

Como foram atingidos?
Os guardas municipais foram atingidos por socos e pontapés vindos de dois manifestantes. Logo após um guarda também foi atingido na cabeça por um cone.

Em que momento ocorreu?
Os pontapés e socos ocorreram após o diálogo da Guarda com os manifestantes para desobstrução da porta. Já o cone foi arremessado durante a intervenção de desobstrução.

O que será feito? Segue a sindicância?
Sim. A sindicância apurará o que de fato ocorreu no dia 22/08.

Quem analisou as imagens?
Uma equipe formada por servidores municipais.

Se foi constatada a agressão, por que não prenderam ou recolheram a pessoa?
Para não gerar mais conflito e confusão. O objetivo da Guarda Municipal era desobstruir a porta da prefeitura e manter o controle para que a população e os servidores pudessem acessar o Centro Administrativo. Foi exatamente e somente essa ação que foi realizada.

:: O Mirante solicitou imagens da agressão por parte dos manifestantes. Foram enviadas fotos do arremesso do cone e duas reproduções de vídeos.

 

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros