Secretária da Saúde de Caxias ainda não conhece a UPA Zona Norte - Política - Pioneiro

Mirante30/06/2017 | 08h30Atualizada em 30/06/2017 | 09h35

Secretária da Saúde de Caxias ainda não conhece a UPA Zona Norte

Deysi Piovesan completa um mês no cargo na quarta-feira (5) e fará visita ao prédio, com vereadores, no dia anterior

Secretária da Saúde de Caxias ainda não conhece a UPA Zona Norte Clever Moreira/Divulgação
Comissão da Saúde da Câmara de Vereadores fez cobranças à  secretária da Saúde, Deysi Piovesan (D)  Foto: Clever Moreira / Divulgação

A secretária municipal da Saúde, Deysi Piovesan, ainda não conhece a UPA Zona Norte. Ela completa um mês no cargo no próximo dia 5 (quarta-feira). Ao participar de reunião da Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores, ontem, quando houve a prestação de contas do Executivo, relativa ao setor no primeiro quadrimestre do ano, a secretária disse que irá conhecer a unidade de pronto-atendimento com os vereadores na visita que ocorre terça (4).

A abertura da UPA foi um dos principais temas da campanha eleitoral, sendo anunciada pelo prefeito Daniel Guerra (PRB) para os primeiros dias do governo. O cumprimento da promessa é assunto diário. A previsão atual é de que a inauguração ocorra em setembro.

O fato de a titular da Saúde ainda não conhecer as instalações, no mínimo, causa um constrangimento para o governo, mesmo que esteja há pouco tempo no cargo.

Leia Mais
Prefeitura diz que fechamento do pronto-socorro do HG de Caxias não afeta o Postão 24h
Hospital Geral de Caxias pode ter déficit de R$ 900 mil em junho
"Não estou preocupado com a próxima eleição", diz Sartori
Debate acirrado com o retorno do vereador Renato Nunes na Câmara Municipal em Caxias do Sul

O vereador Rafael Bueno (PDT) foi quem questionou se ela ainda não conhecia a UPA. Deysi disse que é um prédio vazio e tem muitas coisas urgentes para olhar. Acrescentou que o fato de saber que não estava funcionando fez com que ela protelasse e tivesse a oportunidade de ir com os vereadores.

A prefeitura informou que gastou no quadrimestre R$ 68,5 milhões na saúde, equivalente a 20,41% da receita, sendo que o previsto em lei é 15%. A prestação de contas foi considerada correta, mas os vereadores não ficaram satisfeitos com o argumento de que o compromisso maior de verbas para o HG é atribuição do Estado.

Os vereadores ressaltaram, ainda, que a exoneração de 47 médicos desde o começo desta administração não serve de justificativa para a demora de atendimento no Postão. A secretária disse, conforme a Câmara, que o município chamou médicos concursados, mas eles não quiseram trabalhar pelo Executivo.


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comPioneiro Esportes https://t.co/TQSP2pRzYX #pioneirohá 17 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comCremers deve entregar relatório sobre o Postão de Caxias ao MP até segunda https://t.co/Lz0KkhHoC7 #pioneirohá 36 minutosRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros