Houve uso da máquina pública na marcha em apoio ao prefeito de Caxias? - Política - Pioneiro

Mirante06/04/2017 | 08h30Atualizada em 06/04/2017 | 09h58

Houve uso da máquina pública na marcha em apoio ao prefeito de Caxias?

Bancada do PTB na Câmara questiona, por exemplo, o interesse público de levar pessoas à prefeitura para bater selfie

Houve uso da máquina pública na marcha em apoio ao prefeito de Caxias? Roni Rigon/Agencia RBS
Atuação de fotógrafo (D), que ocupa cargo de coordenador de governo, foi citada pelo vereador Beltrão Foto: Roni Rigon / Agencia RBS

O pedido de informações que será votado nesta quinta-feira (e aprovado) na Câmara de Vereadores de Caxias do Sul, de autoria da bancada do PTB, traz questionamentos que ficaram no ar desde a realização da marcha em apoio ao prefeito Daniel Guerra (PRB), no domingo, e que se traduzem na possibilidade de uso da máquina pública para sua projeção.

Qual a justificativa para o interesse público?

A pergunta foi enfatizada pelo vereador Adiló Didomenico, quando explicou o motivo do requerimento. E é exatamente esta a dúvida. A iniciativa de levar os integrantes da manifestação que ocorria na Praça Dante Alighieri ao gabinete do prefeito saiu do foco, diante do que havia sido anunciado pelo organizador da manifestação Germano Alberto Junqueira. A atividade virou notícia no site da prefeitura.

Com certeza, se Daniel Guerra estivesse na Câmara, ele não pouparia na cobrança — e com fortes adjetivos —, caso medida semelhante tivesse ocorrido no governo passado.

Leia Mais: 
Vice-prefeito retorna à prefeitura de Caxias do Sul nesta quinta-feira
Maioria dos vereadores defende manutenção de 23 vagas na Câmara de Caxias

 Adiló fez colocações pertinentes.

— Em 90 dias, promover um evento para reunir 500 pessoas é o primeiro indicativo que o governo tem que fazer uma autorreflexão de que algo não está bem, não está em sintonia com quem votou, o pessoal não está satisfeito, é urgente a mudança de rumo. Qual a justificativa para o interesse público de se fazer um ato convidando as pessoas para irem à prefeitura bater selfie?

O petebista frisou que quem votou neste governo espera uma gestão firme, avançada, propositiva e de muito diálogo com a sociedade.

Rodrigo Beltrão (PT) também se manifestou e disse que "é fácil abrir a prefeitura para os amigos, quero ver abrir para a população, de fato, independente de posição política". Estão sendo questionados, por exemplo, o valor gasto e quem arcará com horas-extras, veículos e equipamentos utilizados.

O petista completou:

— Tem situações mal-resolvidas, o fotógrafo da prefeitura — e é fotógrafo —, quando vai a Brasília recebe diária para exercer a função de fotógrafo, é coordenador de governo (cargo para o qual foi nomeado, correspondente a CC8). Então, tem que esclarecer, porque quando há situações assim não se sabe se o senhor Peter (Campagna Kunrath) está lá como coordenador de governo ou tirando foto.


 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comGuerra SA, de Caxias, solicitará mais 30 dias para apresentar plano de recuperação judicial https://t.co/wajIAvI7GK #pioneirohá 27 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.com"No primeiro desafio a pessoa fica depressiva", diz mãe de menino que entrou no jogo Baleia Azul https://t.co/CsNDWY15CG #pioneirohá 56 minutosRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros