Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves anuncia cortes e espera economizar R$ 500 mil - Política - Pioneiro

Economia06/03/2017 | 15h39Atualizada em 06/03/2017 | 15h39

Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves anuncia cortes e espera economizar R$ 500 mil

Pacote de medidas foi detalhado em coletiva de imprensa nesta segunda-feira

Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves anuncia cortes e espera economizar R$ 500 mil Câmara Municipal de Bento Gonçalves/Divulgação
Mesa Diretora da Câmara durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta segunda-feira Foto: Câmara Municipal de Bento Gonçalves / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

A Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves anunciou, em uma coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira, pacote de medidas para a redução de despesas do Legislativo. A estimativa é de uma economia de até R$ 500 mil em 2017. O orçamento da Câmara neste ano já sofreu redução inicial de 7,41% em relação ao de 2016, passando de R$ 13,5 milhões para R$ 12,5 milhões.

Leia mais
Conselho vai encaminhar denúncia ao MP sobre ligação de prefeito a médico do SUS de Caxias
Pioneiro lança ferramenta digital para acompanhar produção dos vereadores de Caxias do Sul
Cerca de 300 pessoas participam de audiência sobre Reforma da Previdência em Caxias do Sul
Recadastramento eleitoral começa na segunda-feira em nove cidades da Serra

Entre as medidas adotadas, a suspensão da concessão de diárias e de passagens aéreas para vereadores e servidores e a revogação do pagamento de funções gratificadas aos funcionários da Casa. Todas elas já estão em vigor. 

Também foram anunciadas melhorias administrativas, como a implementação de um sistema de votação eletrônica no plenário, a digitalização de todos os documentos arquivados pelo Legislativo, protocolamento eletrônico de proposições dos vereadores e do Executivo e consolidação da legislação municipal publicada no site da Câmara. Não há ainda previsão para execução. 

Conforme a Mesa Diretora da Câmara, as verbas economizadas com as medidas serão disponibilizadas à prefeitura para que utilize os valores na prestação de serviços essenciais à população. A destinação específica dos recursos economizados será sugerida ao Executivo pelos vereadores. 

Medidas de redução de despesas: 

:: Revogação do pagamento das funções gratificadas aos servidores efetivos do Legislativo.
:: Suspensão da concessão de diárias e de passagens aéreas para vereadores e servidores por tempo indeterminado.
:: Limitação da concessão de homenagens a uma por vereador e a uma para a Mesa Diretora a cada dois anos.
:: Encerramento da locação da sala comercial onde funcionava o anexo administrativo da Câmara.
:: Racionalização do uso de veículos da Câmara, impedindo, por exemplo, que dois carros realizem o mesmo trajeto em um curto período de tempo.
:: Implantação de turno único de funcionamento durante o período de recesso parlamentar.
:: Suspensão do pagamento de abono de férias para servidores da Casa durante dois anos.
:: Diminuição das cotas de material de almoxarifado a que cada gabinete tem direito, como redução da quantidade de folhas de ofício disponíveis a cada vereador de 1,5 mil para 1 mil.

 
 

Siga o Pioneiro no Twitter

  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comVila Oliva, em Caxias do Sul, tenta retomar a rotina após temporal https://t.co/nhMXhIAKEo #pioneirohá 12 minutosRetweet
  • pioneiroonline

    pioneiroonline

    Pioneiro.comDuas crianças permanecem internadas após acidente de trânsito em Farroupilha https://t.co/ry40ZqFlDk #pioneirohá 32 minutosRetweet

Veja também

Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros