PP quer prefeito de Bento Gonçalves concorrendo à prefeitura de Caxias em 2020 - Colunas da seção Mirante - Política: deputados, prefeitos e mais - Pioneiro
 
 

Mirante28/06/2019 | 19h20Atualizada em 28/06/2019 | 21h13

PP quer prefeito de Bento Gonçalves concorrendo à prefeitura de Caxias em 2020

Presidente do partido, Ricardo Golin, falou com Guilherme Pasin sobre transferência do domicílio eleitoral

PP quer prefeito de Bento Gonçalves concorrendo à prefeitura de Caxias em 2020 Diego Primon/Divulgação
Guilherme Pasin esteve com membros do PP de Caxias do Sul nesta sexta-feira Foto: Diego Primon / Divulgação

O PP de Caxias do Sul quer o prefeito de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin, concorrendo nas eleições municipais de 2020. A ideia é que Pasin, que cumpre seu segundo mandato à frente do Executivo, transfira o domicílio eleitoral para Caxias para disputar a prefeitura. O convite foi feito nesta sexta-feira pelo presidente do partido, Ricardo Golin, durante almoço dos progressistas em Caxias. Na ocasião, foram abordadas estratégias de gestão e discutidos os rumos do partido para 2020. 

Pasin não esconde a alegria diante da manifestação. E deixa no ar a possibilidade.

— Fiquei surpreso e lisonjeado com a generosidade do presidente Golin. É um fato novo, mas preliminar. Caxias é uma metrópole, fiquei feliz.

O prefeito de Bento diz que não é algo para pensar agora, mas admite:

— Tem que conversar sobre isso, nada na vida é estanque.

A conversa, afirma, será com o partido em Bento e Caxias. Ele ressalta que "tem muito tempo pela frente; na política, um latifúndio". 

Questionado se a ideia de concorrer à prefeitura de Caxias o atrai, voltou a repetir: "Me deixa lisonjeado, Caxias é a nossa cidade maior, nossa referência. É um convite que me deixa feliz".

Sobre o futuro, diante do término de seu mandato em dezembro de 2020, Pasin declara que quer reorganizar sua vida e que sente um desejo muito grande de continuar na política.

Legalidade

Entra em questão a legalidade da medida. Ou seja, ser prefeito de um município, tendo o domicílio eleitoral em outro.

Ricardo Golin pretende buscar esclarecimentos jurídicos.

— Vou atrás, saber se pode ou não. Se ele vem ou não, é outra história. Nós queremos que ele transfira o domicílio eleitoral para Caxias. Se existir a possibilidade legal, será uma satisfação poder trabalhar o nome de Pasin, um contraponto ao que se tem hoje em Caxias — disse, alfinetando o Governo Daniel Guerra (PRB).

Leia também  
Novo líder do Governo Daniel Guerra na Câmara negou que queria o cargo dois dias antes do anúncio
Doação foi concretizada e veículo da Câmara de Caxias encaminhado à Smel 


 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros