Mirante: cenário bem aberto - Notícias de Eleições - Política: deputados, prefeitos e mais - Pioneiro
 

Opinião03/11/2018 | 08h31Atualizada em 03/11/2018 | 08h31

Mirante: cenário bem aberto

MDB ficou sem o Governo do Estado e a prefeitura e não projetou novas lideranças

Mirante: cenário bem aberto Carlos Macedo/Agencia RBS
Foto: Carlos Macedo / Agencia RBS

O MDB ficou sem o Governo do Estado e a prefeitura e não projetou novas lideranças. Mauro Pereira naufragou na eleição à Câmara, com uma votação abaixo do razoável (23.623 votos) para a projeção que adquiriu. Carlos Búrigo ficou com a primeira suplência na Assembleia, com 34.322 votos, bem aquém da expectativa. Não se projetam para 2020.

Leia mais
O futuro de José Ivo Sartori
Saiba quem venceu a disputa para governador do Estado em cada cidade da Serra 

No PDT, Alceu Barbosa Velho sai enfraquecido ao não se eleger para a Câmara. Ficou com uma suplência da coligação PDT-PMB-PV, obtendo 40.489 votos. Vinicius Ribeiro também não se elegeu para a Assembleia. No PT, Pepe Vargas, apesar de eleito, diminuiu de tamanho, e é preciso levar em conta a resistência ao partido na região.

Leia também
Mirante: eleição de 2020 já desponta no horizonte
Não conseguiu votar? Saiba como justificar ausência
Mirante: reflexos da ida de Moro para o governo 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros