"Vamos trabalhar para reduzir impostos e dar espaço para quem produz", diz Eduardo Leite - Notícias de Eleições - Política: deputados, prefeitos e mais - Pioneiro
 

Eleições 201828/10/2018 | 20h34Atualizada em 28/10/2018 | 20h34

"Vamos trabalhar para reduzir impostos e dar espaço para quem produz", diz Eduardo Leite

Governador eleito concedeu entrevista para a imprensa em Pelotas

"Vamos trabalhar para reduzir impostos e dar espaço para quem produz", diz Eduardo Leite Lauro Alves/Agencia RBS
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Eduardo Leite (PSDB), em sua primeira entrevista coletiva como governador eleito, logo após a confirmação de sua vitória, agradeceu aos eleitores pela vitória e prometeu trabalhar para atender as expectativas dos gaúchos. Disse que irá se dedicar para que o Estado volte a ter protagonismo no cenário nacional e pela valorização do potencial da população. 

Leia mais
Eduardo Leite é eleito governador do Rio Grande do Sul

— Vou trabalhar para reduzir burocracia, para investir na nossa infraestrutura em parceria com o setor privado. Vamos trabalhar para reduzir os impostos e dar espaço para quem produz. Dando espaço a gente gera emprego, melhora a vida das pessoas e melhorando a vida das pessoas, circula o recurso, o Estado gera riqueza e consegue superar as suas dificuldades — ressaltou. 

Acompanhado da família, em Pelotas, agradeceu aos pais e irmãos que o ajudaram a enfrentar as mentiras que surgiram durante a campanha eleitoral. 

— Fizemos uma campanha sem agressões pessoais, sem ataques pessoais, atacamos apenas os problemas. De outro lado, infelizmente, fomos atacados pessoalmente. Espero que essas diferenças fiquem no passado e nós possamos trabalhar daqui para a frente numa política com amor e não com ódio, uma política que una e não divida, uma política que busque estabelecer consenso estratégico em torno de pautas que são importantes no nosso Estado.  

Leite disse que irá procurar o governador José Ivo Sartori (MDB) nos próximos dias para iniciar a transição. Ele destacou o período como importante para ajuste de projetos. Disse ainda que irá focar no desenvolvimento do Estado e na contenção de despesas para colocar o salário dos servidores em dia já no primeiro ano do governo. 

O tucano venceu com 53% dos votos válidos. 

Leia também
"O recado é bem claro, que é o de total mudança", afirma presidente do Legislativo de Caxias do Sul
"Que Bolsonaro se comporte como presidente de todos", diz presidente da CIC de Caxias
Jair Bolsonaro é eleito presidente da República

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros