Mirante: governador eleito tem compromisso com a região - Notícias de Eleições - Política: deputados, prefeitos e mais - Pioneiro
 

Eleições 201829/10/2018 | 06h22Atualizada em 29/10/2018 | 14h26

Mirante: governador eleito tem compromisso com a região

Eduardo Leite recebeu apoio dos prefeitos de Caxias, Bento Gonçalves e Farroupilha

Mirante: governador eleito tem compromisso com a região Mateus Bruxel/Agencia RBS
Eduardo Leite se comprometeu com recursos para desapropriações de terras para o Aeroporto de Vila Oliva Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS

A eleição de Eduardo Leite, 33 anos, leva o PSDB de volta ao governo do Rio Grande do Sul. Assim como o atual governador José Ivo Sartori (MDB), derrotado na busca pela reeleição, Leite declarou apoio a Jair Bolsonaro (PSL). Porém, sua estratégia funcionou melhor. Enquanto Sartori chegou a fundir o nome com o favorito à Presidência, transformando-se em Sartonaro, Leite fez ressalvas a posicionamentos do capitão. Não foi um apoio incondicional.

Leia mais
"Vamos trabalhar para reduzir impostos e dar espaço para quem produz", diz Eduardo Leite
O futuro de José Ivo Sartori
Veja quem foram os governadores eleitos no país

Os prefeitos de Caxias do Sul, Daniel Guerra (PRB); de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin (PP); e de Farroupilha, Claiton Gonçalves (PDT), estão fechados com o governador eleito. Em seus municípios, por uma questão óbvia, Sartori venceu. 

A diferença de votação obtida nas cidades em que os dois foram prefeitos foi expressiva. Em Caxias, onde governou por oito anos, Sartori fez 61,61% dos votos e Leite, 38,39%. Em Pelotas, porém, Leite obteve como resposta 90,30%, enquanto Sartori alcançou meros 9,70%. Os percentuais correspondem a 100% das urnas apuradas.

Em Bento, Leite obteve 32,96% e, em Farroupilha, 39,73% – apenas para citar esses mesmos municípios. A Serra gaúcha deixa o Piratini, enquanto a região Sul passa a ser representada. Porém, considerando-se esses índices e os apoios desses prefeitos, é grande a expectativa em torno da atenção do futuro governador a ser conferida à Serra. 

É o caso dos recursos para as desapropriações para o Aeroporto de Vila Oliva. Guerra, ao manifestar-se sobre o resultado da eleição, lembrou que essa foi promessa de Leite durante a campanha. Também ressaltou que deverá “cumprir com aquilo que o atual governador não fez: pagar o que o Estado deve para Caxias nas áreas da saúde e educação; e que assuma as suas responsabilidades com os 49 municípios da região”.

Guilherme Pasin (PP) é nome cotado para integrar o governo Leite. O vice-prefeito de Bento, Aido José Bertuol, é do PSDB.

Confira no mapa interativo os governadores vencedores em todo o país (Deslize o mouse sobre o Estado). 

Leia também
Festa de eleitores de Bolsonaro colore de verde e amarelo a Praça Dante Alighieri, em Caxias do Sul
Confira como foi a disputa para presidente em cada Estado do Brasil 
"Todo histórico do Bolsonaro é contra a democracia", diz Pepe Vargas
"Desejamos que construa caminhos de unidade", diz Germano Rigotto sobre  Bolsonaro

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros