Polícia Federal combate pornografia infantil em Caxias do Sul e Nova Prata - Polícia - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Operação Levana01/10/2020 | 09h37Atualizada em 01/10/2020 | 15h30

Polícia Federal combate pornografia infantil em Caxias do Sul e Nova Prata

Ação na Serra busca identificar suspeitos de armazenar e disponibilizar pornografia na internet

Polícia Federal combate pornografia infantil em Caxias do Sul e Nova Prata Polícia Federal / Divulgação/Divulgação
Investigação teve início em outubro de 2019 Foto: Polícia Federal / Divulgação / Divulgação

A Operação Levana, da Polícia Federal, combate a divulgação de pornografia infantil na Serra pela internet. Seis mandados de busca e apreensão são cumpridos em Caxias do Sul e Nova Prata nesta quinta-feira (1º). Um homem de 33 anos foi preso em flagrante em Nova Prata.

Em Caxias do Sul, um homem chegou a ser detido, mas não configurou uma prisão em flagrante. Os policiais colheram provas de acesso a sites de pornografia infantil, mas não localizaram material armazenado. No entanto, é possível que o material esteja criptografado, por isso o equipamento foi apreendido e será submetido à perícia.

No total, a operação recolheu oito HDs, dois celulares, três pendrives e 19 CDs para serem periciados.

Esta investigação teve início em outubro de 2019 a partir de informações sobre o compartilhamento de imagens contendo cenas de sexo e pornografia envolvendo crianças e adolescentes. As buscas pretendem confirmar a identificação dos suspeitos que disponibilizam estes arquivos na internet.

Os crimes investigados são distribuição e posse de conteúdo pornográfico infantil. As penas variam de um a seis anos de reclusão, além de multa.

A operação conta com 24 policiais federais. O nome Levana é inspirado na Deusa das Crianças, conforme a religião da Roma Antiga.

Leia também
Homens brancos dominam entre os candidatos em Caxias do Sul, Bento e Farroupilha
Dia das Crianças com gastos, local e data de compra diferentes

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros