Preso pela segunda vez em três dias, homem é solto após pagar fiança de R$ 7 mil em Bento Gonçalves - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Retrabalho18/05/2020 | 14h18Atualizada em 18/05/2020 | 14h20

Preso pela segunda vez em três dias, homem é solto após pagar fiança de R$ 7 mil em Bento Gonçalves

Com 28 anos, ele responderá em liberdade por porte ilegal de arma de fogo e receptação de veículo roubado

Preso pela segunda vez em três dias, homem é solto após pagar fiança de R$ 7 mil em Bento Gonçalves Brigada Militar / Divulgação/Divulgação
Pistola e colete apreendidos com o detido neste domingo Foto: Brigada Militar / Divulgação / Divulgação

Pela segunda vez em três dias, um homem de 28 anos foi preso pela Brigada Militar (BM) em Bento Gonçalves. O primeiro flagrante aconteceu na quinta-feira (14), quando ele dirigia uma utilitário roubado. Ele foi detido novamente no domingo (17), quando portava uma pistola e um colete balístico. No entanto, não será desta vez que o criminoso reincidente ficará recolhido em um presídio: ele foi solto após pagamento de fiança de R$ 7 mil.

A prisão mais recente ocorreu na Rua Ari da Silva, no bairro Eucaliptos, quando brigadianos da Força Tática abordaram um Palio. O veículo era de um motorista de aplicativo e, ao perceber a aproximação policial, o passageiro desembarcou e tentou fugir correndo por entre as residências. O suspeito foi capturado. Ele vestia uma touca ninja e um colete balístico e portava uma pistola calibre .380, municiada com 10 cartuchos.

O criminoso de 28 anos não teve a identidade divulgada em razão da lei de abuso de autoridade. Segundo a BM, ele possui uma vasta ficha criminal, que inclui roubos, tráfico de drogas e homicídios. Inclusive, havia sido detido três dias antes. Naquela ocasião, ele conduzia um utilitário Grand Vitara pelo bairro Universitário. Autuado por receptação de veículo roubado, o flagrado foi conduzido à Penitenciária Estadual, mas acabou liberado algumas horas depois mediante decisão judicial. 

Na prisão deste domingo, o detido nem chegou a ser encaminhado ao sistema penitenciário. Ainda na delegacia, ele pagou R$ 7 mil de fiança e foi solto.

Leia também
Idosos, um dos grupos de risco da covid-19, relatam experiências durante isolamento na Serra
Na contramão da crise, algumas empresas da Serra conseguem se manter estáveis ou até aumentar faturamento
Novo prefeito de Farroupilha inicia mandato com mais de 20 exonerações e junção de pelo menos cinco secretarias

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros