Réu é condenado por assassinato no Carnaval de 2018, em Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Justiça18/02/2020 | 15h21Atualizada em 18/02/2020 | 15h21

Réu é condenado por assassinato no Carnaval de 2018, em Caxias do Sul

Briga aconteceu na via pública e acusado utilizou um paralelepípedo para matar a vítima

Réu é condenado por assassinato no Carnaval de 2018, em Caxias do Sul Divulgação/Polícia Civil
Réu cumpre prisão preventiva desde 8 de março de 2018 Foto: Divulgação / Polícia Civil
Pioneiro
Pioneiro

Dois anos após o crime, Jonas Isaías Pereira Reis, 21 anos, foi condenado pelo assassinato de Sandro Lourenço Fiuza, 38, no bairro Rio Branco, em Caxias do Sul. Nesta segunda-feira (17), o réu foi sentenciado a 12 anos de reclusão por homicídio qualificado por meio cruel. O crime aconteceu na madrugada do domingo de Carnaval de 2018, quando a vítima foi atacada com golpes de paralelepípedo. Reis cumpre prisão preventiva desde 8 de março daquele ano.

Leia mais
Preso suspeito de matar homem a pedrada em Caxias do Sul
Morto a golpes de pedra na cabeça é sepultado em Caxias do Sul

Conforme a denúncia do Ministério Público (MP), o homicídio aconteceu na esquina das ruas General Sampaio e Isidoro Detanico por volta das 6h25min do dia 11 de fevereiro. Reis caminhava com a sua namorada quando encontraram a vítima. Houve uma discussão e o réu atacou Fiuza com um tijolo. Testemunhas relataram que a vítima caiu e Reis continuou a golpeá-lo na cabeça. Após, o réu teria gritado "matei ele porque ele mexeu com a minha mulher" e "eu sou bandidão".

Em depoimento durante o processo, o réu afirmou que tinha uma desavença anterior com a vítima e alegou legítima defesa e também para proteger sua companheira. Em sua versão, Reis disse que sua companheira estava em início de gravidez e perdeu a criança em razão das agressões de Fiuza. A suposta gravidez não foi comprovada durante o processo. Reis admitiu que agrediu a vítima caída, mas alegou pensar que Fiuza fosse levantar.

Leia também
Morador de Flores da Cunha é preso em operação nacional de combate à pornografia infantil
PRF apreende carga de cigarros avaliada em R$ 2 milhões em São José dos Ausentes
Bebê engasgada é salva por policial rodoviária em Gramado

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros