Motos abordando motos: a estratégia para reduzir furtos e roubos a pedestres em Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Operação Capacete Limpo12/02/2020 | 18h38Atualizada em 13/02/2020 | 10h08

Motos abordando motos: a estratégia para reduzir furtos e roubos a pedestres em Caxias do Sul

Mobilização reúne Brigada Militar, Guarda Municipal e Fiscalização de Trânsito

Motos abordando motos: a estratégia para reduzir furtos e roubos a pedestres em Caxias do Sul Brigada Militar/Divulgação
Abordagens são realizadas em pontos considerados estratégicos para coibir crimes Foto: Brigada Militar / Divulgação

Contra assaltos a pedestres e furtos de veículos, a Operação Capacete Limpo foi lançada em Caxias do Sul nesta quarta-feira (12). A estratégia reúne os agentes em motocicletas da Brigada Militar, Guarda Municipal e Fiscalização de Trânsito para ampliar o número de abordagens e coibir crimes praticados com este tipo de automóvel.

Leia mais
Homem é preso em operação que abordou mais de 100 motociclistas em Caxias

A cena de dois bandidos em uma moto é um conhecido modo de ação justamente pela capacidade de locomoção deste veículo em meio ao trânsito e até moradias em vilas. Segundo o 12º Batalhão de Polícia Militar (12º BPM), houve um crescimento nos relatos de roubos a pedestre praticados por motociclistas.

— É um meio usual para fuga. As nossas motos tem condições de fazer este acompanhamento, de eventuais fugas em barreiras. Situação em que um carro teria mais dificuldade.  Serão motos abordando motos — explica o major Wagner Carvalho, que responde pelo subcomando do 12º BPM.

Os furtos de veículos têm incomodado as forças policiais em Caxias do Sul, sendo um dos poucos delitos em crescimento. No ano passado, foram 1.169 automóveis levados — aumento de 23% se comparado com 2018, que teve 945 delitos. 

Contra assaltos a pedestres e furtos de veículos, a Operação Capacete Limpo foi lançada em Caxias do Sul nesta quarta-feira (12). A estratégia reúne agentes em motocicletas da Brigada Militar, Guarda Municipal e Fiscalização de Trânsito para ampliar o número de abordagens e coibir crimes praticados com este tipo de automóvel.
Apresentação da Operação Capacete Limpo, nesta quarta-feiraFoto: Brigada Militar / Divulgação

Em maio de 2019, os agentes das Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam) já haviam sido acionados para combater este tipo de furto. Desta vez, a estratégia contará com o apoio da Guarda Municipal e da Fiscalização de Trânsito, que assumirá delitos administrativos flagrados, liberando os PMs para seguirem com outras abordagens. No total, serão 16 motocicletas empregadas na fiscalização.

— Uma operação integrada, espalhada em pontos estratégicos que aponta furtos de veículos e roubos a pedestres. Iremos focar a fiscalização neste tipo de meio de transporte, com o objetivo de coibir crimes — reforça o major Carvalho.

Leia também
Denúncia sobre tráfico leva a descoberta de apartamento invadido em Farroupilha
Argentino é flagrado trasportando crianças no porta-malas de carro em Vacaria
Vigilantes detém jovem que tentava furtar porta de alumínio de empresa em Caxias

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros