Bala perdida mata mulher de 76 anos em Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Violência09/02/2020 | 18h38Atualizada em 09/02/2020 | 18h38

Bala perdida mata mulher de 76 anos em Caxias do Sul

Eva da Silva e Britto foi atingida em ataque na noite de sexta-feira

Bala perdida mata mulher de 76 anos em Caxias do Sul Juliana Bevilaqua/Agência RBS
Crime aconteceu na Avenida Dr. Renato Del Mese Foto: Juliana Bevilaqua / Agência RBS
Pioneiro
Pioneiro

Vítima de uma bala perdida, Eva da Silva e Britto, 76 anos, foi sepultada na manhã deste domingo no Cemitério Público Municipal de Caxias do Sul. A idosa foi atingida por um disparo na cabeça na noite de sexta-feira(7) quando, segundo testemunhas, transitava pela calçada na Avenida Dr. Renato Del Mese, no bairro Fátima. Ela chegou a ser socorrida pelo Samu, mas morreu na manhã de sábado, no Hospital Pompéia.

— Ela estava no lugar errado e na hora errada — lamenta a vizinha Elonir Oliveira, 48.

Leia mais
Idosa atingida por tiro na cabeça morre no hospital em Caxias do Sul

Os disparos tinham outro alvo, no caso, Júlio César dos Santos, 24. Ele foi baleado na frente de um bar. Naquele momento, Eva estava passando pelo local e foi atingida por um dos disparos. Santos morreu antes de receber socorro. O crime aconteceu pouco antes da meia-noite, próximo ao parque do bairro, há poucos metros da casa de Eva. A idosa era separada e tinha três filhos, todos já adultos e casados. Ela dividia o lar com gatos e cachorros, que também recebiam a atenção dos vizinhos.

— A gente tentava ajudar no que podia, dava os restos de comida para os bichinhos — conta Elonir.

Conhecida de todos no bairro, Eva era aposentada e se dedicava a recolher latinhas para doar para a Igreja. Ela também gostava de tentar a sorte e costumava passear pelo bairro.

— Ela gostava de fazer o jogo do bicho. Às vezes ganhava e ficava bem faceira — conta o amigo Dorival de Carli, 50, dono do mercado frequentado por Eva diariamente. 

— Ela vinha aqui todo dia e a gente dava frutas para ela, ajudava _ acrescenta.

O caso começa a ser investigado a partir de hoje pela Delegacia de Homicídios. A princípio, não há informações sobre a autoria do duplo assassinato. Eva não teria nenhuma relação com Santos.

Leia também
Mulher morre depois de ter sido atropelada no sábado, em Gramado
Adolescente assume a autoria do assassinato de Tiago Rodrigues
Caxias do Sul tem o menor número de assaltos em 17 anos

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros