Polícia Civil encontra 20kg de drogas em apartamento de Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Tráfico28/01/2020 | 15h45Atualizada em 28/01/2020 | 18h02

Polícia Civil encontra 20kg de drogas em apartamento de Caxias do Sul

Endereço seria base para distribuição de crack, cocaína e maconha de um grupo criminoso

Polícia Civil encontra 20kg de drogas em apartamento de Caxias do Sul Leonardo Lopes/Agência RBS
Foto: Leonardo Lopes / Agência RBS

A Polícia Civil apreendeu 20 quilos de drogas em Caxias do Sul nesta terça-feira (28). As diversas porções de crack, cocaína e maconha foram encontradas em um apartamento no bairro Sagrada Família por volta do meio-dia. Ninguém estava no local no momento da ação policial.

Preliminarmente, foi estimado que 30 quilos de drogas tinham sido apreendidas. A pesagem oficial concluiu que foram apreendidos 20 quilos — sendo 12,5 quilos de crack, 6,5 quilos de cocaína, um quilo de maconha. É a maior apreensão da Polícia Civil da Serra em 2020.

A investigação é da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), que acredita que o apartamento era utilizado para guardar e distribuir as drogas. O endereço estava sendo monitorado pelos policiais há algum tempo.

— É uma investigação desenvolvida há aproximadamente três meses, decorrência de outra grande investigação. Hoje, durante as diligências, surgiu a oportunidade de apreendermos essa grande quantidade de droga no bairro Sagrada Família. Tudo indica que o local era utilizado como uma base de distribuição — aponta o delegado Caio Márcio Fernandes, que atua interinamente na Draco, que prefere não especificar qual era a investigação anterior sobre lavagem de dinheiro.

A Polícia Civil apreendeu quase 30 quilos de drogas em Caxias do Sul nesta terça-feira (28). A ação é da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco). As drogas estavam em um apartamento do bairro Sagrada Família. Há porções de crack, cocaína e maconha.
Foto: Leonardo Lopes / Agência RBS

A estimativa policial é que os 12,5 quilos de crack poderiam ser divididos em 50 mil pedras, que geralmente são vendidas a R$ 5. Ou seja, renderiam R$ 250 mil aos traficantes. Já os seis quilos de cocaína, que é vendida por grama a R$ 50, representam outros R$ 350 mil. Ou seja, a ação policial resultou num prejuízo de R$ 600 mil ao crime considerando o valor de venda das drogas nos pontos de tráfico.

Na ação, também foram apreendidos um colete balístico e uma máquina de contar dinheiro. Para não prejudicar as investigações, a Polícia Civil não se manifesta sobre quem seria o proprietário das drogas e do apartamento.

A ação em Caxias do Sul acontece um dia depois de ser realizada a maior apreensão de ecstasy na história da Polícia Civil gaúcha. A investigação sobre uma rota de envio de ecstasy de outros Estados por empresas de transporte rodoviário de mercadorias levou ao recolhimento de  14,2 mil comprimidos na zona norte de Porto Alegre. 

Leia também
Homem é julgado por assassinato a facadas no bairro Jardelino Ramos, em Caxias do Sul
Guarda Municipal de Farroupilha reforça vigilância nos cemitérios após série de furtos
Escola de Educação Infantil reabre após cinco anos em Caxias

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros