Dupla é presa em ponto de tráfico na zona norte de Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Com pistola e drogas29/12/2019 | 11h11Atualizada em 29/12/2019 | 11h24

Dupla é presa em ponto de tráfico na zona norte de Caxias do Sul

Local havia sido palco de uma tentativa de homicídio na quinta-feira (26)

Pioneiro
Pioneiro

Dois jovens de 21 anos foram presos em um conhecido ponto de tráfico da zona norte de Caxias do Sul. O flagrante aconteceu na tarde deste sábado (28), quando foram apreendidas uma pistola e diversas porções de crack e maconha. Em depoimento, Willian Kaléu de Oliveira Munhoz e Wagner de Azevedo alegaram ser apenas usuários de drogas.

A ocorrência teve início quando a Brigada Militar realizava patrulhamento na Rua dos Canários, no bairro Santa Fé, por volta das 16h30min. No endereço, há um conhecido ponto de venda de drogas onde aconteceu uma tentativa de homicídio na última quinta-feira (26).

Ao se aproximarem, os PMs avistaram dois jovens em frente ao ponto de tráfico. Os dois suspeitos tentaram fugir correndo e arremessaram uma arma de fogo e uma sacola amarela em direção ao telhado da casa vizinha. Os jovens foram detidos na moradia dos fundos e identificados como Willian Kaléu de Oliveira Munhoz e Wagner de Azevedo, ambos de 21 anos.

No telhando da casa vizinha, os PMs encontraram a sacola amarela e uma pistola municiada e com numeração raspada. Dentro da sacola, foram apreendidas 49 pedras de crack e 47 porções de maconha. Dentro da moradia, também foi encontrado um tijolo de crack pesando 28,5 gramas, R$ 620 e um relógio prateado sem procedência.

Enquanto os policiais estavam na residência, um usuário de crack chegou ao local. Ele relatou que vai naquele ponto de tráfico há cerca de um ano, comprando drogas a cada duas semanas, mas negou conhecer os dois detidos pela BM.

Em depoimento na delegacia, Azevedo negou estar vendendo drogas. O autuado alegou ser usuário de maconha e que conhecia o traficante local, mas que este conseguiu fugir da ação policial. O detido confirmou que estava junto com Munhoz, o outro detido pela BM. Azevedo alegou que a arma e drogas apreendidas pelos PMs estavam na casa e não em sua posse.

Munhoz prestou um depoimento semelhante, afirmando também ser usuário de maconha e que a pistola e as drogas apreendidas estavam em cima de uma mesa dentro da moradia. O autuado relatou que costuma ir comprar drogas naquele ponto de tráfico e que o dono seria um homem conhecido pelo apelido de Negativo, que conseguiu fugir da abordagem policial.

Azevedo foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, enquanto Munhoz também responde por porte ilegal de arma de fogo. Ambos foram encaminhados para o sistema penitenciário.

Leia também
Seis horas após morte em briga de bar, suspeito é preso em Jaquirana
Motociclista fica em estado grave após cair em barranco de Caxias do Sul

 
 
 
 
Pioneiro
Busca