Traficante é preso pela polícia depois de jogar drogas para o terreno do vizinho em Caxias - Polícia - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Crime27/11/2019 | 07h49

Traficante é preso pela polícia depois de jogar drogas para o terreno do vizinho em Caxias

Dinheiro colocado em uma lata, que era puxada para o andar superior de casa, era trocado pela quantidade de entorpecentes comprada

Um homem de 36 anos foi preso em flagrante por tráfico de drogas no final da tarde desta terça-feira (26) em Caxias do Sul. A prisão ocorreu por volta das 17h50min em uma casa na Rua Derni Bueno, no bairro Esplanada.

De acordo com a ocorrência policial, a Brigada Militar (BM) foi acionada por populares, que informaram a existência de uma casa de dois andares no endereço. O térreo está abandonado, não há portas ou janelas e havia fluxo de pessoas que compravam drogas na moradia.

Leia mais
Polícia encontra estufa de maconha em casa de Caxias
Polícia Federal cumpre mandados de prisão em Caxias e Bento para combater tráfico de cocaína para Europa
Homem esconde 17 trouxas de crack embaixo da língua em Caxias

Ao chegar na residência, a polícia encontrou um homem que tentou fugir para dentro do imóvel, mas foi alcançado pelos policiais. Em seguida, outro homem foi localizado num dos espaços que serviria como quarto. Eles foram detidos como testemunhas. Enquanto isso, a equipe viu que o preso que estava no andar superior arremessou para o terreno vizinho dois estojos que continham drogas e uma balança usada para pesar a droga.

O traficante permitiu a entrada da polícia e disse que eles não encontrariam nada de ilegal na casa. Durante revista, a Brigada encontrou tesouras, material para embalar a droga, câmera de vigilância, estilete, dinheiro, uma imitação de arma de fogo, celulares e talão de cheque.

Em conversa informal, uma das testemunhas contou que ia até uma peça da parte inferior da casa e colocava o dinheiro em uma lata suspensa por um fio. O traficante, então, puxava o fio com a lata e o dinheiro e devolvia o objeto com a quantia comprada da droga. Os três foram conduzidos a Central de Polícia para registro da ocorrência.

Leia também
Homem mata ex-companheira e tenta suicídio em Vacaria
Comissão Processante ouviu três testemunhas no processo contra o prefeito de Caxias Daniel Guerra
Escola de línguas no Cristóvão de Mendoza, em Caxias, encerra atividades

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros