Moradora de Caxias tem casa no Litoral vendida por casal que alugou imóvel - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Estelionato19/11/2019 | 09h44Atualizada em 19/11/2019 | 09h44

Moradora de Caxias tem casa no Litoral vendida por casal que alugou imóvel

Conforme ocorrência policial, responsáveis pela transação utilizaram procuração falsa

Uma moradora de Caxias do Sul teve a casa na praia de Curumin vendida por um casal que alugou o imóvel. A descoberta ocorreu quando a empresa de vigilância procurou a mulher para dizer que outra pessoa estava tentando entrar na casa, alegando ser a nova proprietária.

Conforme a ocorrência policial, no dia 4 de outubro o casal procurou a dona da casa para firmar um contrato de aluguel por 30 dias. Após o período acordado, o casal solicitou prorrogação de 10 dias no prazo. No último dia 13, porém, a proprietária do imóvel recebeu uma ligação da empresa de vigilância informando que uma mulher tentava entrar na casa. Ela alegava ter dado uma entrada de R$ 40 mil pela compra do imóvel e que pagaria R$ 20 mil restantes parceladamente, conforme pudesse.

Após serem informados pela dona da casa de que ela não havia sido vendida, funcionários da empresa de vigilância trocaram as fechaduras. A mulher também procurou a suposta compradora, moradora de Esteio, que relatou que o homem que alugou a casa apresentou uma procuração dizendo ser sobrinho da proprietária.

O caso foi registrado na noite desta segunda-feira (18) como estelionato e será investigado pela Polícia Civil.

Leia também
Pacientes da UPA Zona Norte, em Caxias, se revoltam com a demora no atendimento
Em 90 dias, Farroupilha terá câmeras para identificar suspeitos à distância e veículos roubados 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros