Depois de trocar mensagens e visitar presidiário, jovem é ameaçada em Caxias do Sul - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Celular na cadeia15/10/2019 | 10h55Atualizada em 15/10/2019 | 17h05

Depois de trocar mensagens e visitar presidiário, jovem é ameaçada em Caxias do Sul

Detento da penitenciária no Apanhador utiliza redes sociais para seduzir mulheres

Um caso inusitado de ameaça foi denunciado à Polícia Civil de Caxias do Sul na noite desta segunda-feira (14). Uma jovem de 22 anos relatou que conheceu um homem, também de 22 anos, em uma rede social e, após um mês de conversas, descobriu que ele estava recolhido na Penitenciária do Apanhador. Após o fim do relacionamento, a jovem diz que se sente ameaçada e, por isso, procurou a Polícia Civil.

Conforme o boletim de ocorrência, o detento convenceu a jovem a visitá-lo e, conforme o procedimento necessário, ela preencheu os papéis de união estável com ele. Ela foi até o Apanhador e encontrou o contato, mas logo um segundo apenado apareceu disse que era com ele que a vítima conversava.

O relacionamento durou quatro meses, até que a jovem descobriu que outras mulheres visitavam o apenado, inclusive, uma que seria a verdadeira esposa dele. A vítima terminou o namoro, mas se sente ameaçada porque o preso continua a enviar mensagens de texto e a pressiona a não terminar a relação.

O relato policial aponta que o preso envia as mensagens de dentro do presídio e utiliza quatro números diferentes. O detento também publicou nas redes sociais da vítima.

Leia também
Polícia Civil investiga estupros de meninas de três e 15 anos em Caxias do Sul
Homem é vítima de tentativa de extorsão depois de trocar fotos íntimas
Produtor que pagou por exame de DNA para comprovar posse de vaca quer inibir abigeato

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros