Homem é vítima de extorsão depois de trocar fotos íntimas por aplicativo de mensagem em Caxias - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Golpe11/09/2019 | 07h31Atualizada em 11/09/2019 | 07h46

Homem é vítima de extorsão depois de trocar fotos íntimas por aplicativo de mensagem em Caxias

Ele depositou R$ 400 para tentar evitar que imagens fossem divulgadas

Homem é vítima de extorsão depois de trocar fotos íntimas por aplicativo de mensagem em Caxias Lucas Amorelli/Agencia RBS
Homem é vítima de extorsão depois de trocar fotos íntimas por aplicativo de mensagem em Caxias Foto: Lucas Amorelli / Agencia RBS

Um homem de 56 anos foi vítima de extorsão em Caxias do Sul depois de trocar fotos íntimas com uma mulher por um aplicativo de mensagens. Na segunda-feira (9), outros dois homens, um empresário de 41 anos e um aposentado de 70, relataram ser vítimas de tentativa de extorsão. A situação é semelhante e tem ocorrido com frequência na região, envolvendo, principalmente, homens.

Leia mais
Depois de trocar fotos íntimas com mulheres por aplicativo de mensagens, homens são vítimas de tentativa de extorsão em Caxias
Polícia de Canela identifica preso que extorquia homens após troca de fotos íntimas por mensagens
Depois de trocar fotos íntimas com mulher, homem é vítima de tentativa de extorsão em Caxias
Tentativas de extorsão alertam para golpe envolvendo troca de fotos íntimas por redes sociais em Caxias
Homem é vítima de extorsão após trocar fotos íntimas com mulher por aplicativo de conversa
Após trocar fotos íntimas com mulher, homem é vítima de tentativa de extorsão em Caxias   

Na ocorrência mais recente, o homem procurou a polícia por volta das 23h27min desta terça-feira (10) para relatar que, no último dia 8, recebeu solicitação de amizade de uma jovem, em uma rede social, por mensagem. Depois de conversarem, trocaram fotos íntimas.

Em seguida, no mesmo dia, por volta das 13h30min, ele recebeu uma mensagem exigindo o pagamento de R$ 400 para que as fotos dele não fossem divulgadas. No dia seguinte, ele efetuou o depósito em uma conta da Caixa Econômica Federal.

As mensagens continuaram no último dia - desta vez, exigindo um depósito de mais R$ 500 porque o aparelho celular da jovem teria sido quebrado pelo tio dela quando ele visualizou as fotos. Ele não efetuou o pagamento e bloqueou o número de telefone.

Ainda de acordo com o homem, as mensagens passaram a ser enviadas para a filha dele, de 24 anos, tanto pela rede social, quanto por um aplicativo de conversas, cobrando o depósito do dinheiro.

As características dos casos são parecidas e com o objetivo de obter vantagem financeira a partir de ameaças. A Polícia Civil orienta que as vítimas não depositem nenhuma quantia e procurem a delegacia para registrar a ocorrência. Outro alerta é para que evitem a exposição de informações pessoais nas redes sociais e mantenham atenção ao adicionar e conversar com desconhecidos em aplicativos de conversas.

Em agosto, a Polícia Civil de Canela identificou o autor de diversas extorsões a homens após eles terem trocado fotos íntimas com uma suposta jovem ou mulher em aplicativo de conversa por mensagens. O crime era cometido por um presidiário que cumpre pena em Montenegro, de acordo com a Seção de Investigação da Delegacia de Polícia. Mesmo preso, e longe da Serra, ele praticava os golpes na região, e lucrava elevados valores com a prática dos crimes, sendo que os depósitos recebidos após a extorsão das vítimas eram diários.

Leia também
Suspeito de roubo à residência é preso no bairro Santo Antônio, em Farroupilha
Quatro homens são presos por tráfico em ponto de drogas no bairro Santa Marta, em Canela
Sindicatos doam cestas básicas para ex-funcionários da Metalcorte de Caxias do Sul



 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros