Foragido preso em Caxias do Sul era procurado por morte em Vacaria - Polícia - Pioneiro

Versão mobile

 
 

Homicídio29/08/2019 | 17h21Atualizada em 29/08/2019 | 18h46

Foragido preso em Caxias do Sul era procurado por morte em Vacaria

Detido foi indiciado por atirar em jovem que carregava uma criança no colo

Foragido preso em Caxias do Sul era procurado por morte em Vacaria Polícia Civil  / Divulgação /Divulgação
Foto: Polícia Civil / Divulgação / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

Capturado em Caxias do Sul, Alisson Cristian da Silva, 21 anos, era procurado desde abril por um assassinato em Vacaria. De acordo com a Polícia Civil, ele matou Belmiro Mateus de Freitas Karnus, 19, com um tiro de espingarda. No momento do ataque, a vítima segurava uma menina de dois anos nas costas _ que não se feriu. O homicídio aconteceu no dia 17 de abril na Rua José Wilmar Wolker, no bairro Municipal. Segundo o delegado Anderson Silveira de Lima, autor e vítima eram vizinhos e tiveram uma desavença:

— Foi uma pequena discussão por motivos fúteis. Alisson (da Silva) ameaçou a vítima, dizia ser de uma facção e prometeu matar o Karnus. Naquele dia, gritou o nome da vítima, que parou para olhar, e atirou.

No momento do crime, haviam outras pessoas na rua que reconheceram Silva como o autor, o que possibilitou o pedido de prisão preventiva. Contudo, o investigado fugiu da cidade.

— Tínhamos uma informação de que poderia estar em Caxias, mas não tínhamos uma localização que possibilitasse uma busca. Assim, o mandado foi disponibilizado no sistema e, felizmente, foi capturado pela Brigada Militar — aponta o delegado de Vacaria.

A prisão de Silva aconteceu durante patrulhamento pelo bairro Jardelino Ramos, por volta das 22h50min de terça-feira (27). Ele foi recolhido ao sistema penitenciário em Caxias do Sul e a Polícia Civil solicitará autorização judicial para interrogatório. O inquérito policial, entretanto, foi concluído há duas semanas com o indiciamento de Silva por homicídio qualificado por motivo fútil e recurso que dificultou a defesa da vítima.

Leia também
Réu é condenado a 13 anos por matar companheira no interior de Garibaldi
Casal que abandonou bebê em Carlos Barbosa é indiciado por crime de aborto
Mulher embriagada bate em muro e é presa em Farroupilha

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros