Polícia Civil prende em Vacaria suspeito de ser autor do disparo que matou policial militar em Porto Xavier - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Operação10/06/2019 | 19h52Atualizada em 11/06/2019 | 09h02

Polícia Civil prende em Vacaria suspeito de ser autor do disparo que matou policial militar em Porto Xavier

Ezequiel David Trindade, 30 anos, foi preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo 

Polícia Civil prende em Vacaria suspeito de ser autor do disparo que matou policial militar em Porto Xavier Polícia Civil  / Divulgação /Divulgação
Foto: Polícia Civil / Divulgação / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

A Polícia Civil prendeu, na tarde desta segunda-feira em Vacaria, um dos suspeitos de ter participado do roubo a banco em Porto Xavier, crime que resultou na morte de um policial militar, em 24 de abril deste ano.

A prisão ocorreu por volta das 17h enquanto os policiais da Delegacia de Polícia de Vacaria cumpriam mandados de busca e apreensão na casa de suspeitos de crimes de furto abigeato, porte ilegal de arma de fogo e receptação dolosa (com intenção), no bairro Barcelos.

Durante a ação, foram encontrados, segundo a polícia, dois dos foragidos da Justiça mais procurados no Estado, ambos com mandados de prisão em aberto. Já havia investigações e suspeitas de que estes foragidos da região de Erechim e Passo Fundo estavam se escondendo em Vacaria.

Um dos presos é Ezequiel David Trindade, 30 anos, natural de Erechim, com antecedentes policiais por tráfico de drogas e associação ao tráfico, disparo de arma de fogo, roubos e latrocínio, entre outros crimes. Ele estaria morando em Passo Fundo. Ele é suspeito de ser o autor do disparo que vitimou o soldado Fabiano Heck Lunkes, 34, durante o roubo a agência bancária em Porto Xavier. Ele foi preso nesta tarde por porte ilegal de arma de fogo, porque portava uma pistola calibre 9mm e munição. 

Os outros são Gilberto Garcia da Silva, 30, natural e morador de Erechim, também preso por porte ilegal de arma de fogo porque estava com uma pistola calibre 45 e munição. Sabino Souza Maciel, 38, natural de Bom Jesus e Janete Santos Maciel, 34, ambos naturais de Bom Jesus e moradores do bairro Barcelos, em Vacaria, foram presos por receptação dolosa, já que com eles foi encontrada grande quantidade de carne sem procedência, segundo a polícia, proveniente de furto abigeato.

Os presos estão sendo autuados na DP de Vacaria e serão encaminhados ainda nesta noite ao Presídio Estadual no município.

Leia também
Empresa de autopeças é atingida por incêndio no bairro Santa Catarina, em Farroupilha
Após ficar desaparecida por cinco dias, mulher é encontrada em Farroupilha
RSC-453, na Serra, também passará por estudo para possível concessão 

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros