"Eles já desceram atirando", conta testemunha de roubo a banco em Coronel Pilar - Polícia - Pioneiro

Versão mobile

 

Novo Ataque na Serra 08/11/2018 | 16h57Atualizada em 08/11/2018 | 16h57

"Eles já desceram atirando", conta testemunha de roubo a banco em Coronel Pilar

Criminosos fizeram cordão humano e pelo menos um refém em ataque ao Banrisul e ao Sicredi

"Eles já desceram atirando", conta testemunha de roubo a banco em Coronel Pilar Altamir Oliveira / Estação FM/ Divulgação/Estação FM/ Divulgação
Foto: Altamir Oliveira / Estação FM/ Divulgação / Estação FM/ Divulgação

O quinto ataque a bancos no Estado em dois dias proporcionou momentos de terror a moradores de Coronel Pilar, na Serra, na tarde desta quinta-feira (8). Criminosos atacaram as agências do Banrisul e do Sicredi. Conforme relatos de moradores, os criminosos chegaram por volta das 14h50min e espalharam miguelitos (pregos retorcidos) pelas ruas. Eles fizeram cordão humano e levaram pelo menos um funcionário do Banrisul como refém. O homem foi libertado minutos depois próximo a uma estrada que dá acesso a Roca Sales, onde o grupo queimou um dos carros pretos utilizados na ação. Confira o relato da proprietária de um comércio que fica próximo à agência do Banrisul.

Leia mais:
Bandidos fazem reféns e assaltam agências bancárias de Coronel Pilar

GaúchaZH: Como começou a ação?
Moradora:
Eles chegaram com o carro na contramão e deram uma freada brusca. Em seguida desceram já atirando. Nesse momento, fechei as portas e corri para dentro.

Quantos criminosos eram?
Aqui no Banrisul eles estavam em três, mas ao mesmo tempo estavam atacando o Sicredi.

Eles disseram algo quando desceram do carro?
Diziam 'não vamos machucar ninguém', mas enquanto falavam isso estavam atirando.

Quantas pessoas haviam na agência no momento do assalto? Eles fizeram cordão humano?
No Banrisul havia apenas o guarda e o funcionário que trabalhava no caixa, que foi levado de refém. Nesta agência não fizeram cordão humano, apenas no Sicredi. Eles libertaram o refém em um trevo perto da estrada que vai para Roca Sales. Durou muito tempo essa ação, meu Deus, não terminava mais.

Leia também:
Prosseguem buscas a criminosos que assaltaram agência bancária em Cambará do Sul 
Bandidos fazem reféns e assaltam agência do Banrisul em Cambará do Sul
Caminhão abordado por assaltantes de Cambará do Sul foi alvejado a tiros
"Se não entregar o dinheiro, vou te matar", disse criminoso durante assalto a banco em Cambará do Sul  

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros