Bandidos fazem reféns e assaltam agências bancárias de Coronel Pilar - Polícia - Pioneiro

Versão mobile

 

Novo ataque na Serra08/11/2018 | 15h21Atualizada em 08/11/2018 | 16h39

Bandidos fazem reféns e assaltam agências bancárias de Coronel Pilar

BM da Serra mobiliza suas tropas para responder ao roubo

Bandidos fazem reféns e assaltam agências bancárias de Coronel Pilar Altamir Oliveira / Estação FM/ Divulgação/Estação FM/ Divulgação
Foto: Altamir Oliveira / Estação FM/ Divulgação / Estação FM/ Divulgação

Em menos de 30 horas, a Serra voltou a ser alvo de assaltantes de banco. A quadrilha atacou as agências do Banrisul e Sicredi de Coronel Pilar, município de 1,6 mil habitantes próxima a Garibaldi, no início da tarde desta quinta-feira. Não há relatos sobre feridos.

Leia mais:
Cidades com menos de 20 mil habitantes concentram 65% dos ataques a banco em 2018
Criminosos atacam duas agências bancárias em Casca

O crime ocorreu por volta das 14h50min. Conforme o relato de uma funcionária da prefeitura de Coronel Pilar, que também fica na  Avenida Vinte e Cinco de Julho, a ação criminosa durou 20 minutos. Mais de quatro bandidos encapuzados e com armas longas teriam atacado as duas agências simultaneamente e rendido diversas pessoas para fazer um cordão humano. A quadrilha teria efetuado diversos tiros para o alto e fechado os dois acessos à cidade.

Foto: Altamir Oliveira / Estação FM/ Divulgação

Um refém feito do Banrisul foi levado na fuga, mas liberado na sequência. Para dificultar a perseguição policial, os bandidos teriam incendiado um carro na estrada. A suspeita é que os criminosos tenham fugido em direção a Roca Sales.

Com o roubo destas duas agências, a Serra contabiliza oito assaltos em 2018.

Segundo assalto em 30 horas

Este é o segundo assalto a banco em menos de 30 horas. Na quarta-feira, bandidos roubaram duas agências em Cambará do Sul. A BM continuava as buscas a estes assaltantes na manhã desta quinta-feira.

A agência do Sicredi de Coronel Pilar já havia sido alvo de assaltantes em 2016. Na ocasião, quatro bandidos quebraram a porta giratória com um machado e levaram um refém, que foi liberado sem ferimentos. Naquele crime, foi utilizado um City com as placas clonadas, que havia sido roubado em Caxias do Sul.

Na madrugada desta quinta-feira, bandidos explodiram caixas eletrônicos das agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal em Casca. A BM respondeu ao ataque simultâneo e houve troca de tiros, mas os criminosos conseguiram fugir.  

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros