Mulher suspeita de matar o filho de 3 anos em Gravataí é presa em Bento Gonçalves - Polícia - Pioneiro

Versão mobile

 

Prisão preventiva13/10/2018 | 14h58Atualizada em 13/10/2018 | 15h26

Mulher suspeita de matar o filho de 3 anos em Gravataí é presa em Bento Gonçalves

Ela estava na moradia de um familiar na Rua Antônio Bonamigo

Mulher suspeita de matar o filho de 3 anos em Gravataí é presa em Bento Gonçalves Brigada Militar / Divulgação/Divulgação
Foto: Brigada Militar / Divulgação / Divulgação
Pioneiro
Pioneiro

Uma mulher de 21 anos, suspeita de matar o filho de 3 anos em Gravataí no mês de setembro, foi presa pela Brigada Militar (BM) de Bento Gonçalves na noite de sexta-feira. Ela estava na moradia de um familiar na Rua Antônio Bonamigo, bairro Vila Nova. A jovem tinha a prisão preventiva decretada e estava sendo procurada pela polícia. 

A morte da criança ocorreu no dia 24 de setembro. Ainda segundo informações da BM, na ocasião, o padrasto da criança levou o menino no Pronto Atendimento Municipal 24 horas de Gravataí, alegando que ele estava com dificuldades de respirar. 

Porém, ao examinar o garoto, foi constatado hematomas em seu corpo, na região do queixo, orelha e pescoço. Além disso, o menino já estava morto há cerca de três horas, contrariando o relato do padrasto. 

A Brigada Militar foi acionada e o caso passou a ser investigado pela Delegacia de Homicídios do município. Conforme a BM, a jovem é a principal suspeita de morte da criança. 

Após ser presa, ela foi encaminhada ao presídio de Bento Gonçalves.

Leia também
Brigada Militar prende jovem com arma no Centro de São Marcos
O que faz com que crianças e adolescentes fiquem anos em acolhimento

 
Pioneiro
Busca
clicRBS
Nova busca - outros