Suspeito de mortes em condomínio de Bento Gonçalves é capturado em Lagoa Vermelha - Polícia - Pioneiro

Vers?o mobile

 
 

Investigação20/09/2018 | 16h10Atualizada em 20/09/2018 | 17h08

Suspeito de mortes em condomínio de Bento Gonçalves é capturado em Lagoa Vermelha

Jovem rompeu tornozeleira eletrônica e foragiu do regime semiaberto

Suspeito de mortes em condomínio de Bento Gonçalves é capturado em Lagoa Vermelha Brigada Militar  / Divulgação /Divulgação
Aisner Moises de Paula de Brum, 18 anos Foto: Brigada Militar / Divulgação / Divulgação

A captura de um foragido do regime semiaberto deve auxiliar no esclarecimento de homicídios em Bento Gonçalves. Na manhã desta quinta-feira, Aisner Moises de Paula de Brum, 18 anos, foi preso em Lagoa Vermelha. Ele havia rompido a tornozeleira eletrônica que usava e era procurado desde o dia anterior.

Leia mais:
Homem é morto a tiros em Bento Gonçalves e cidade atinge 37 assassinatos
Famílias desesperam-se com demora de perícias na Serra 

Condenado por roubo com lesões, Brum cumpria pena no regime semiaberto desde o dia 14 de agosto. Conforme informações colhidas pelo setor de inteligência da Brigada Militar, o jovem estaria cumprindo ordens de um presidiário e matando rivais de sua facção no Residencial Novo Futuro, no loteamento Ouro Verde, onde mora. O motivo seria a disputa pelo domínio da venda de drogas. Estes relatos, contudo, precisam ser comprovados pela Polícia Civil, responsável pela investigação dos homicídios. 

— Além de ser foragido, ele estava com prisão preventiva decretada pelo homicídio de terça-feira (quando Cenair Nunes Machado, 20, foi assassinado). Neste caso, ele está identificado como o autor. Em outros quatro homicídios também ocorridos no Novo Futuro, estamos apurando a possível participação dele — relata a delegada Maria Isabel Zerman Machado, que prefere não divulgar detalhes das investigações em andamento.

Cenair Machado foi assassinado em plena luz do dia em área comum do condomínio popular, que abriga mais de 400 famílias. A apuração da Polícia Civil aponta que o homicídio teria sido motivado por uma dívida contraída pelo irmão da vítima.

— Os relatos populares são que este irmão era usuário e teria fugido do condomínio. O Aisner (de Brum), então, teria matado o Cenair por vingança — aponta a delegada.

Diante do cerco policial pela investigação da Polícia Civil e a intensificação das patrulhas da BM no bairro Ouro Verde, Brum descumpriu a medida cautelar imposta pelo Poder Judiciário e fugiu para Lagoa Vermelha. O procurado, contudo, foi abordado quando caminhava pela Rua Protásio Alves, no bairro Gentil, por volta das 10h20min, e reconduzido ao sistema penitenciário.

Leia também:
Brigada Militar recupera quatro veículos roubados e prende jovem em Caxias do Sul
Assaltantes invadem loja e levam R$ 1, 5 mil em Caxias
Trio rende funcionário e rouba 10 armas de fogo de transportadora em Caxias do Sul

 
 
 
 
Pioneiro
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros